Mulher pode parar na cadeia após marcar ex-cunhada no Facebook

Tudo teve início com uma mensagem postada no Facebook, em que Maria Gonzalez, residente de Nova York, nos Estados Unidos, cita a sua ex-cunhada, Maribel Calderon, em um post na rede social.

Por | @oficinadanet Tecnologia

No Facebook, como sabemos, é possível compartilhar várias coisas, incluindo mensagens e imagens, e constantemente os amigos marcam as pessoas que estão sendo mencionadas. Porém, em um caso, a marcação poderá acarretar em cadeia.

De acordo com o jornal norte-americano “New York Post”, uma mulher poderá pegar até um ano de cadeia por ter marcado em um post uma ex-cunhada.  

Mulher pode parar na cadeia após marcar ex-cunhada no Facebook
Mulher que marcou ex-cunhada em post no Facebook pode ficar um ano na prisão.

Leia também:

Tudo teve início com uma mensagem postada no Facebook, em que Maria Gonzalez, residente de Nova York, nos Estados Unidos, cita a sua ex-cunhada, Maribel Calderon, em um post na rede social. A questão é que Maria violou uma ordem de proteção concedia pela Justiça para Maribel.

Com isso, a decisão diz que Maria necessita manter distância da irmã do ex-marido. A ordem foi expedida após a separação de Maria e o irmão de Maribel, Rafael Calderon.

Maria, em seu perfil no Facebook, publicou mensagens do tipo “você e sua família são tristes”, e marcou a ex-cunhada. Além disso, a chamou de “estúpida”.

A mulher argumentou dizendo que a ordem de proteção “não a proíbe especificadamente de se comunicar pelo Facebook”. No entanto, este não é o mesmo pensamento da Juíza Susan Capeci, da Suprema Corte do Condado de Westchester. “A ordem de proteção proibia a ré de contatar a parte protegida por meio eletrônico ou qualquer outro.”

De acordo com o advogado de Rafael, “tudo que você posta em qualquer lugar pode ser usado contra você”. Já a advogada de Maria, Kim Frohlinger, disse que não pretende recorrer da decisão.

Mais sobre: facebook post redesocial
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo