As lojas que você deve evitar nesta Black Friday

Fique ligado pra não sair prejudicado nessa noite de ofertas.

Por | @Evilmaax E-commerce

Black Friday chegando e com ela a expectativa de bons negócios, e não só por parte dos consumidores. Falsários aguardam ansiosos por essa época do ano onde se aproveitam das megapromoções e pegam aqueles desavisados que baixam a guarda por conta dos descontos milagrosos. Com isso, ano após ano, milhares de consumidores são lesados, perdem o seu dinheiro e, após muitos aborrecimentos, ainda ficam sem ressarcimento e sem produto.

Claro que os prejudicados fazem o possível para reaver o que lhes é de direito, seja produto ou dinheiro e o Procon é o grande aglutinador de reclamações. Milhares e milhares de reclamações chegam, mas, infelizmente, uma boa parte não consegue fazer valer seus direitos do consumidor, seja por conta da empresa não existir, sumir do mapa, usar nomes e dados falsos, etc.

A saída encontrada pelo órgão para que você não passe por essa dor de cabeça desnecessária foi criar e atualizar constantemente uma lista das lojas que você NÃO deve comprar, nem neste Black Friday, nem em nenhuma outra época do ano.

As lojas que entram nesta seleta lista negra são aquelas que tiveram sucessivas reclamações de clientes (as mais comuns são: a não entrega do produto e a recusa em responder as tentativas de contatos) e nenhuma solução satisfatória ou esclarecimento após o contato do órgão de apoio ao consumidor.

As lojas que você deve evitar nesta Black Friday

A relação é oficialmente mantida pelo Procon-SP, mas é claro, contém estabelecimentos do Brasil inteiro já que é através do e-commerce, e das promessas de entregar em cada canto do país, que os bandidos aumentam o faturamento.

E mesmo com as reiteradas denúncias é preciso ficar atento, pois nem todas as lojas já foram tiradas do ar. Aah, e para ajudar o Procon também criou uma cartilha online que pode ser consultada aqui onde ele dá várias dicas para você comprar com segurança nessa Black Friday.

Depois de estudar essa cartilha, clique aqui e confira o nome das mais de 440 lojas online que são consideradas as piores do comércio eletrônico no Brasil.

Depois disso tudo: Boas compras.

Mais sobre: black Friday E-commerce maximilianomeyer
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo