O que é o Uber?

O aplicativo de caronas já gerou muita dor de cabeça na Europa e está temporariamente suspenso no Brasil.

Por | @oficinadanet Smartphones

O Uber é uma empresa tecnológica, com sede nos Estados Unidos. É uma plataforma própria para smartphones responsável por prestar serviços de aluguel de veículos com motoristas privados. Assim, através do próprio aplicativo é possível contatar o serviço. Em resumo, o Uber é um app em que você solicita carros que estejam fazendo um percurso semelhante ao seu, recebe uma tremenda carona e faz um pagamento voluntário de acordo com a distância percorrida. Normalmente o valor é bem infeior à tarifas de taxi.

Nem precisamos lembrar, portanto, que o app é simplesmente odiado pelos taxistas, O Uber incomoda porque não segue as regras administrativas e tradicionais do mercado. A ideia principal do serviço é oferecer aos passageiros veículos com condutor por um valor mais acessível. A reserva é feita através do celular usando a geolocalização. Uma das vantagens do Uber é o pagamento pelo cartão de crédito através do celular, sem a necessidade de carregar dinheiro para a "corrida".

O que é o Uber?

Por que a polêmica do Uber com os taxistas?

O Uber, ao longo do tempo, vem gerando bastante desconforto entre os taxistas brasileiros. Desde que desembarcou no Brasil, há cerca de um ano, o sindicato dos taxistas afirma que o serviço é totalmente ilegal. Pela legislação brasileira, a atividade de transporte individual remunerado de passageiros é regulamentada pela lei de mobilidade urbana (12.468), de 2011, e os taxistas detêm a exclusividade do serviço. Sendo que os trabalhadores do setor necessitam estar credenciados e ainda precisam seguir as normas estabelecidas. Com isso, o Uber não se encaixa nas regras, se tornando um serviço totalmente ilegal.

Como funcionada o aplicativo

O Uber é considerado um dos aplicativos mais populares do mundo, o seu valor está avaliado em 41 bilhões de dólares. O serviço está presente em 295 cidades em 55 países. No Brasil, o Uber atua em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília. O aplicativo funciona de forma semelhante aos aplicativos de taxi. Primeiramente o usuário precisa realizar o cadastro e informar os dados do cartão crédito ou mesmo de uma conta no PayPal. Após, quando necessitar, através do app o usuário terá que informar onde está e assim solicitar um carro.

A empresa costuma ficar com 20% do valor da corrida. O valor mínimo de uma viagem está fixado em 10 reais. O que chama a atenção no serviço é o tratamento diferenciado, ou seja, os carros são modelo sedam de luxo preto, com banco de couro, ar-condicionado, e também oferecem água aos passageiros. Para ser um motorista parceiro da Uber é necessário ser motorista profissional. Os veículos também são novos e contam com seguro que cobre passageiro e motorista. 

Suspensão no Brasil

Após vários problemas enfrentados pelo Uber no último ano no mundo todo, chegou a vez do Brasil tentar suspender o uso da plataforma no país. Em alguns países o serviço já foi suspenso. Agora, a Justiça de São Paulo decidiu acabar com o aplicativo, acatando a liminar do sindicato dos taxistas paulistas.

Caso o Uber não seja suspenso em todo o país, e continue em operação, a companhia terá que desembolsar R$ 100 mil por dia. Além disso, se a empresa não acatar a liminar na cidade de São Paulo, a multa pode chegar a R$ 5 milhões. O juiz da 12ª Vara Cívil do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Roberto Corcioli Filho, foi o responsável pela decisão. Google, Microsoft, Apple e Samsung estão sendo intimadas para remover o aplicativo de suas lojas. Sendo assim, apenas os usuários que já contam com o Uber instalado continuarão com o aplicativo.

O aplicativo de caronas, segundo a decisão judicial, “está prestando um serviço clandestino, ao que parece”, que viola leis locais e também nacionais, além do Código Nacional de Trânsito, que diz que qualquer veículo alugado por passageiros deve ter registro e licenciamento.

Você já usou o Uber? Compartilhe sua experiência nos comentários.

Mais sobre: uber brasil suspenso
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo