Estados Unidos inaugura a primeira casa de câmbio de Bitcoins

Bitcoin encontra dificuldades no mercado financeiro oficial.

Por | @oficinadanet Negócios

Na segunda-feira (26), a Coinbase, que é responsável por uma carteira virtual para bitcoins, lançou a primeira casa de câmbio legalizada da moeda virtual nos Estados Unidos. A casa foi regulamentada pelas autoridades do mercado financeiro do país.

O bitcoin não apresenta regulamentação por instituições financeiras por não circular em contas bancárias, tal as moedas tradicionais, como o Dólar e o Real. Além disso, a moeda possui caráter descentralizado, e é emitido somente por operações matemáticas realizadas em computadores, e não por decisões do Banco Central.

Por contar com donos anônimos e também por fazerem parte de transações de produtos ilegais Silk Road, a moeda nunca foi bem vista pelo mercado financeiro oficial.

Para melhorar as transações, o Departamento de Serviços Financeiros de Nova York lançou até uma certificação. Assim, a Coinbase é uma das primeiras a receber o selo “BitLicence”. A empresa conseguiu a aprovação de 24 Estados ou territórios dos Estados Unidos para ser aprovada.

A Coinbase possui ainda um suporte do setor financeiro dos Estados Unidos. Na última semana ela anunciou que recebeu aporte de investimentos de US$ 75 milhões, realizado por um grupo de investidores composto pela Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), o banco USAA, os fundos Union Square Ventures e Ribbit Capital, além dos ex-CEOs do Citigroup, Vikram Pandit, e da Thomson Reuters, Tom Glocer.

Além da Coinbase, outras empresas também estão em busca da legitimação dos BItcoins. Os irmãos Winklevoss estão investindo pesado ao lado de grandes bancos e instituições financeiras para lançar o Gemini nas próximas semanas, uma casa de câmbio.

Mais sobre: bitcoin moeda virtual
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar