Apple perde caso de patente da Siri na China

Acostumada a ganhar processos, Apple perde ação na China.

Por | @oficinadanet Smartphones

Em uma ação contra a Apple na China, um tribunal de Pequim decidiu a validade de uma patente detida por uma empresa chinesa. Com isso, a empresa asiática poderá continuar o seu caso contra a Maçã por infração de direitos de propriedade intelectual.

"A corte não deu razão à causa apresentada pela Apple", anunciou o tribunal em um comunicado sobre o caso da empresa americana contra a agência estatal.

De acordo com uma publicação do jornal estatal Diário do Povo na quarta-feira (9), a Primeira Corte Intermediária de Pequim decidiu desfavoravelmente a empresa de Cupertino.

A Apple levou a empresa Zhizhen Internet Tecnology e o Escritório Estatal de Propriedade Intelectual da China ao tribunal, justificando que os direitos de patente da Zhizhen, que tem sede em Xangai, a uma tecnologia de reconhecimento de voz eram inválidos.

Apple perde caso de patente da Siri na China

Leia também:

A Apple, não satisfeita com a decisão, disse que irá levar o caso ao Superior Tribunal Popular de Pequim, disse o jornal.

"Infelizmente, não estávamos cientes da patente da Zhizhen antes de introduzimos a Siri (tecnologia de reconhecimento de voz) e não acreditamos que estamos usando esta patente", disse um porta-voz da Apple com sede em Pequim, em um comunicado enviado à Reuters.

Com a decisão, a Apple poderá ter que entrar em um acordo com a Zhizhen para continuar a oferecer a Siri aos usuários de seus dispositivos móveis. "Estamos abertos a manter negociações razoáveis com a Zhizhen", disse uma fonte da Apple, em Pequim.

A batalha teve início quando a Zhizhen processou a Apple em 2012 por violação de direitos de propriedade intelectual, alegando que a empresa de Cupertino havia copiado um aplicativo com funções similares às da assistente pessoal Siri.

Fonte: Reuters

Mais sobre: apple Siri China
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo