Oficina da Net Logo

Chip anti-espionagem desembarca no Brasil

Informações importantes podem ser resguardadas com ajuda de chip anti-espionagem.

Por | @oficinadanet Segurança digital Pular para comentários

Levando em consideração que privacidade é essencial no acesso a computadores, tablets e smartphones, chega ao Brasil um chip antiespionagem chamado TrustChip, da empresa FGX.

O chip é fabricado pela KoolSpan, empresa americana responsável por desenvolver aplicações de criptografia e de segurança baseados em hardware para proteção de dados e também de comunicações de voz sobre dispositivos conectados à web.

Conforme a companhia o chip é capaz de codificar a voz e os dados, criando chaves dinâmicas que mudam a todo instante, que dificultaria o risco de invasão.

"É um chip com padrão militar, usado por agências do governo norte-americano", explica Fábio Guimarães, presidente da FGX. "Há softwares similares, mas o chip tem melhor proteção e otimiza o consumo de bateria. Quando se fala de software, há certificados e chaves expostas à vulnerabilidades.” Leia em destaque: Aprenda a remover vírus do pendrive.

Leia também:

O serviço pode ser encontrado com mensalidades de R$ 150. A empresa estima vender 5 mil chips em 2014.

O chip está inserido em um cartão microSD e pode ser colocado em dispositivos com essa entrada. Assim, com o chip no aparelho, o usuário pode realizar chamadas de voz e enviar mensagens. Para garantir a segurança, segundo Guimarães, o ideal é que quem liga e quem receba a chamada tenha o chip.

Você tem Telegram? Então inscreva-se grátis aqui no canal do Oficina da Net e recebe todas as notícias pelo mensageiro.

MAIS SOBRE: #seguranca  #chip  #anti-espionagem  #Brasil
Comentários
Carregar comentários