Twitter volta atrás e altera bloqueio de seguidores

As recentes alterações do Twitter não agradam aos usuários, que protestaram. Ciente da negação, a rede social alterou tudo novamente.

Por | @RafaelaPozzebon Redes sociais

Nesta sexta-feira (13) o Twitter voltou atrás de sua decisão e restaurou a função de bloqueio de seguidores. A decisão acontece após muitas críticas que a companhia recebeu na quinta-feira após permitir que usuários retuitassem mensagens e ainda ter acesso a tuítes públicos de contas que os haviam bloqueado.

Com a breve mudança de quinta-feira, um usuário bloqueado no Twitter poderia ainda ver ou mesmo publicar mensagens para a pessoa que o havia bloqueado, mas a atividade ficaria invisível para a vítima, como se a conta da outra pessoa não existisse. 

Leia também:

"Decidimos reverter a mudança depois de receber comentários de muitos usuários", afirmou o vice-presidente de produtos da empresa, Michael Sippey, no blog oficial do Twitter. "Nunca vamos querer introduzir novas funções ao custo de os usuários se sentirem menos seguros. Qualquer bloqueio feito anteriormente continua valendo", explicou.

O Twitter havia dito que a mudança seria feita para que as vítimas de assédio ficassem protegidas, porém temiam que a atitude de bloquear um usuário levasse à retaliação.

Agora, com a retomada da política anterior, o usuário que está bloqueado fica totalmente sem acesso à conta do que estava seguindo. Além disso, quando for bloqueado, o usuário recebe uma notificação.

Mais sobre: twitter, bloquear, usuário
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.