O Tubby chega só amanhã, mas as mulheres já podem proibir que as avaliem

As moças que não querem participar das avaliações masculinas podem se desvincular do Tubby.

Por Redes sociais Pular para comentários
O Tubby chega só amanhã, mas as mulheres já podem proibir que as avaliem

Na onda do aplicativo Lulu, um grupo de brasileiros criou o Tubby, este, destinado ao público masculino. Os usuários poderão avaliar as mulheres, igualmente ao Lulu, em que as moças dão notas aos rapazes.

O Tubby ainda não foi lançado oficialmente, mas já há uma grande lista de homens interessados no aplicativo. Por conta disso, eles podem se cadastrar para receberem o aplicativo assim que for lançado. Do mesmo modo, as mulheres que não querem ser alvo da brincadeira podem se "descadastrar" do serviço.

Com o slogan "sua vez de descobrir se ela é boa de cama", o serviço, antes mesmo de ser lançado, já causou polêmica, com hashtags muito mais picantes que as do concorrente Lulu. Muitas pessoas acusaram a ferramenta de machista.

No site Tubby há dois avisos: um para realizar o cadastro e outra para remover o perfil do app. Assim, ao clicar no link, o usuário é automaticamente redirecionado ao Facebook para que o descadastro seja realizado.

O Tubby deverá ser lançado para Android e iOS.

Ah! Os homens que queiram excluir o perfil do aplicativo Lulu também possuem uma opção. Basta acessar a página clicar em "remove my profile now".

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários