Tencent pretende diversificar ainda mais os investimentos fora do segmento gamer

Enquanto a ByteDance está criando uma divisão de jogos para buscar lucro no segmento de dispositivos móveis, a Tencent que domina o segmento busca diversificar saindo um pouco do segmento já consolidado.

Por Mercado Tech Pular para comentários
Tencent pretende diversificar ainda mais os investimentos fora do segmento gamer

A Tencent quer intensificar seus esforços de investimento fora do mundo dos games e pretende "prestar mais atenção às plataformas inteligentes de varejo e pagamento".

O conglomerado chinês gastou uma fortuna nos últimos anos investindo em empresas de jogos como Riot Games, Supercell, Epic Games, Activision Blizzard e Ubisoft (para citar apenas alguns).

É claro que, embora a Tencent não tenha investido exclusivamente em empresas de jogos durante esse período, é interessante ver a empresa sinalizar uma mudança de foco.

Conforme relatado pela Reuters, o presidente da Tencent, Martin Lau, subiu ao palco durante uma conferência recente para explicar que a empresa tentaria ir além de seus "setores de investimento tradicionais", oferecendo algumas dicas sobre seus futuros planos de gastos.

"Anteriormente, nossos setores de investimento tradicionais estavam focados principalmente no conteúdo de videogames e nas fronteiras da ciência e da tecnologia", disse Lau durante uma conferência recente.

"No entanto, com o desenvolvimento do ecossistema de miniaplicativos e plataforma de pagamentos WeChat da Tencent, prestaremos mais atenção às plataformas inteligentes de varejo e pagamento no futuro".

Ainda assim, isso não significa que a Tencent estará menos focada no crescimento de seus vários negócios de jogos. Faz apenas algumas semanas desde que a empresa acordou um "investimento de capital não divulgado" com a desenvolvedora de Bayonetta Platinum Games como base para uma futura parceria.

A Tencent também recentemente expressou o desejo de começar a desenvolver títulos de console para o público ocidental, e atualmente está trabalhando com a Nintendo para trazer o Switch para a China.

Comentários:
Carregar comentários