Oficina da Net Logo

No país, 58% das transações bancárias são realizadas por programas digitais

Conforme o levantamento, 35% das movimentações financeiras foram realizadas por meio do celular, chamado pela entidade de “Mobile Banking”.

Por | @oficinadanet Internet Pular para comentários

Os smartphones, como já sabemos, estão presentes na vida de grande parte da população. Para completar, cada vez mais eles trazem funcionalidades aos seus usuários, sendo que é possível realizar várias tarefas com apenas alguns toques. Uma delas está relacionada às transações bancárias que, em busca de praticidade, mais pessoas estão aderindo a sistemas do tipo.

No ano passado, uma pesquisa mostrou que os jovens não estão satisfeitos com a experiência digital dos bancos no Brasil. Agora, um estudo mais recente mostrou que mais da metade das transações bancárias no país são realizadas através de um smartphone ou computador. A pesquisa foi divulgada pela Federação Brasileira dos Bancos (Febraban).

Conforme o levantamento, 35% das movimentações financeiras foram realizadas por meio do celular, chamado pela entidade de “Mobile Banking”. Já, 23% tiveram como meio o Internet Banking convencional pelo PC. Assim, as duas categorias somam 58% de todas as transações no Brasil.

No país, 58% das transações bancárias são realizadas por programas digitais.No país, 58% das transações bancárias são realizadas por programas digitais. Leia em destaque: Os 10 maiores canais do YouTube.

Leia também:

No total, foram feitas 71,8 bilhões de operações bancárias no ano de 2017. Isso demonstra que 41,7 bilhões ocorreram através de uma das plataformas digitais, seja pelo smartphone ou computador.

O estudo realizado ainda revela que a maioria das movimentações feitas de um aparelho celular se tratava apenas de uma consulta, sem envolvimento direto de dinheiro. Os smartphones ainda representam o meio mais usado para pagamentos de boletos e também contas de consumo.

No que se refere à transação financeira, os aplicativos e sites ficam atrás de caixas eletrônicos e também agências bancárias. Um das justificativas seria a ausência de meios online, como os saques.

A coleta de dados foi realizada em parceria da Febraban com a empresa de consultoria Deloitte. As estatísticas integram 24 instituições bancárias distintas, as quais possuem uma participação de 91% do setor no Brasil.

MAIS SOBRE: #Internet  #Bancos  #financeira  #aplicativos
Comentários
Carregar comentários