Huawei Mate 30 pode ser um desastre sem apps do Google

Se você estava pensando em comprar um Huawei Mate 30, essa notícia pode fazer você repensar a ideia. É provável que o smartphone Android venha sem aplicativos e serviços da Google.

Por Huawei Pular para comentários
 Huawei Mate 30 pode ser um desastre sem apps do Google
A Huawei segue com lançamentos de seus novos smartphones da linha Mate 30, mas eles podem vir sem importantes aplicativos do Google, como Google Maps, Google Search e YouTube. O Mate 30 não pode ser usar os aplicativos e serviços do Google devido à proibição de vendas da Huawei nos EUA. O presidente Trump incluiu a marca na lista negra em maio deste ano, dizendo que a empresa ameaça a segurança dos EUA.

O governo emitiu uma suspensão temporária na semana passada, mas um porta-voz do Google disse à Reuters que isso não se aplica a novos produtos, incluindo o Mate 30. Mais de 130 pedidos foram feitos por empresas americanas para obter licenças de venda de produtos da Huawei, mas nenhum foi atendido.

Huawei Mate 30 sem Google Play Store?

Huawei proibição eua

Embora a Huawei ainda possa tecnicamente usar o Android como software de código aberto, a empresa precisaria de um acordo especial com o Google para incluir seus aplicativos oficiais, como a Play Store, que dá aos usuários acesso a outros aplicativos populares da empresa. O Google não informou se solicitou uma licença para oferecer seus aplicativos à Huawei.

A linha Mate 30 está programada para ser lançada em 18 de setembro, e a Huawei tem uma janela muito curta para resolver o problema que poderia custar uma quantia enorme. Poucas pessoas comprariam um smartphone Android sabendo que não conseguirá acessar seus principais recursos.

Porém, a Huawei parece resoluta. Ele lançou o site "Huawei Answers" para esclarecer as dúvidas dos consumidores, e afirmou em um comunicado que "a Huawei continuará usando o sistema operacional e o ecossistema Android, se o governo dos EUA permitir. Caso contrário, desenvolveremos nosso próprio sistema operacional e ecossistema".

A empresa anunciou planos para seu próprio sistema operacional - Harmony - no início deste mês, mas muitos não estão convencidos de que isso seria uma alternativa viável ao Android.

Compartilhe com seus amigos:
Priscilla Kinast
Priscilla Kinast Estudante de Ciência e Tecnologia na UFRGS - Universidade Federal do RS, apaixonada por inovações tecnológicas, mistérios da ciência, bem como filmes e séries de ficção científica
FACEBOOK // INSTAGRAM: @priscillakinast // TWITTER: @prkinast
Quer conversar com o(a) Priscilla, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias