Como funciona o Programa de Proteção Avançada do Google?

O Programa de proteção avançada é sem dúvida a melhor maneira de proteger o acesso a todos os seus documentos e informações armazenados na sua Conta do Google.

Como funciona o Programa de Proteção Avançada do Google?

Se você deseja intensificar a segurança da sua conta do Google, o novo Programa de Proteção Avançada foi desenvolvido para impedir que até mesmo os hackers mais inteligentes consigam acessar os seus dados. Este programa foi desenvolvido para usuários de "alto risco", como funcionários de campanhas políticas, jornalistas e líderes empresariais que frequentemente enfrentam esquemas de phishing direcionados por email. Mas qualquer usuário pode utilizar as vantagens dos recursos desta ferramenta.

Antes de mais nada, saiba que para se inscrever você vai precisar trocar um pouco de conveniência e gastar algum dinheiro. Mas, em troca, você terá a proteção de segurança mais forte que o Google dispõe. Aqui está um guia passo a passo mostrando como usar e aproveitar está ferramenta.

Como funciona o Programa de Proteção Avançada do Google?

Como funciona o Programa de Proteção Avançada do Google?

1. Chaves de segurança

Talvez a maior mudança com o Programa de Proteção Avançada do Google seja o processo de login. Sempre que você entrar em um novo dispositivo com sua conta, você digita sua senha normalmente. Mas com essa ferramenta, você conectará uma chave de segurança USB que foi registrada em sua conta.

Essas chaves de segurança geram uma senha única que o Google usa para desbloquear sua conta, fornecendo uma camada extra de segurança. Portanto, mesmo que um hacker consiga roubar sua senha, ele não poderá invadir sua conta sem a chave de segurança. Funciona como uma autenticação de dois fatores, mas requer as chaves físicas em vez de um código baseado em texto ou aplicativo Authenticator.

Infelizmente, as chaves de segurança não são gratuitas. E para ativar o Programa de Proteção Avançada do Google, você precisará possuir dois - um dos quais servirá como backup.

2. Onde eu os compro?

Se você ainda não possui as chaves de segurança, o Google tem algumas sugestões. A empresa recomenda que você compre uma chave de segurança USB com conectividade Bluetooth da Feitian e uma chave USB padrão da Yubico.

Ter uma chave de segurança USB com Bluetooth é importante. PCs podem ser construídos com portas USB, mas smartphones e tablets geralmente não tem. A chave de segurança do Feitian pode se conectar aos seus dispositivos móveis via Bluetooth.

Para usuários do Android, o Google fez uma parceria com a Yubico, para um acordo especial de US$ 50, que fornecerá as duas chaves de segurança. Uma é uma chave USB padrão. O outro pode se conectar a um dispositivo móvel através de Near Field Communication (NFC), uma tecnologia que os telefones e tablets Android geralmente oferecem suporte.

A única desvantagem é que a Yubico não funciona com dispositivos iOS (embora haja rumores de que você possa usá-la com o cabo adaptador correto). Independentemente disso, os usuários da Apple provavelmente terão que comprar chaves de segurança habilitadas para Bluetooth, como a Feitian ou o VASCO Digipass SecureClick.

3. Registro

Depois de ter duas chaves de segurança, ative o Programa de proteção avançada. Ele solicitará que você faça login na sua Conta do Google, e você será direcionado para uma página onde poderá registrar as duas chaves de segurança.

O processo é direto. Se você estiver em um notebook, insira sua chave de segurança na unidade USB. Se houver um botão, toque nele. O Google deve reconhecer rapidamente a chave e registrá-la em sua conta. Você também pode ativar o programa no seu smartphone com chaves de segurança que possuem Bluetooth ou NFC.

Uma observação importante para usuários do iOS: você precisará fazer o download de um aplicativo adicional para o seu dispositivo chamado Google Smart Lock para associar sua chave de segurança habilitada para Bluetooth à sua conta do Google. Ele mostrará como registrar suas contas.

4. Advertências

Quando as duas chaves são registradas, o Google mostra uma página, explicando as limitações do Programa de proteção avançada. Entre as mudanças, todos os aplicativos de terceiros, incluindo o Apple Mail, serão impedidos de acessar seus dados do Gmail ou do Google Drive.

Ele foi desenvolvido para impedir que hackers usem extensões ou aplicativos falsos para enganá-lo e abrir mão do acesso. Mas pode ser um desastre para usuários que dependem de ferramentas de software de terceiros para visualizar seus e-mails.

O Google também alerta que a recuperação da conta levará alguns dias, caso você perca o acesso. Se isso acontecer, esteja preparado para dar ao Google informações que possam verificar sua identidade, além de ter que explicar o que aconteceu com suas chaves de segurança.

5. Proteção ativada

Depois que o programa for ativado, prepare-se para começar a usar sua chave de segurança novamente. Como medida de precaução, o Google fará o logout de todos os outros dispositivos conectados à sua conta do Google.

Isso significa que você precisará fazer login novamente com todos os dispositivos, digitando sua senha e, em seguida, usando sua chave de segurança. Mas você só precisará da chave de segurança para fazer login na primeira vez.

Nas configurações da sua conta, você também pode adicionar ou revogar chaves de segurança e cortar o acesso a qualquer login do Google a partir de outros dispositivos. Essas opções serão úteis se uma chave de segurança for perdida, ou se o seu notebook for roubado. Lá, você também pode sair do Programa de Proteção Avançada. Basta desativá-lo, e você voltará ao processo de login padrão do Google.

🔥O POCO F4 É MUITO BOM 👇

Comentários
Minha foto
Insira um comentário