Google clona 3D touch da Apple usando apenas software

Confira como a Google conseguiu reproduzir a tecnologia 3D touch da Apple utilizando apenas software. Esta e outras novidades foram anunciadas para seus celulares Pixel.

3D Touch em celular Android. Fonte: gigazine
3D Touch em celular Android. Fonte: gigazine

Recentemente a Google anunciou um novo recurso chamado "drop". Ele foi desenvolvido para a sua linha de smartphones Pixel. A novidade faz parte de um esforço da empresa para que os usuários percebam que seus celulares estão à frente dos outros telefones com Android, dando recursos exclusivos ao Pixel.

Agora é possível agendar a ativação do modo escuro nos celulares Pixel

A primeira novidade revelada, é a possibilidade de agendar quando o modo escuro deverá ser ativado. Além disso, o brilho adaptável foi aprimorado, é possível configurar pequenas ações com base na rede Wi-fi conectada, foi criado um novo gesto para o Motion Sense do Pixel 4, novos emojis, novos efeitos de RA (realidade aumentada) para os chatos por vídeo no app Duo.

Google consegue reproduzir 3D touch da Apple via software

Mesmo com tantas novidades chegando, como você pode ver acima, houve uma delas que se destacou e parecia ter saído de algum lugar no passado. Foi dito:

"Além da pressão longa, agora você pode pressionar com firmeza para obter mais ajuda dos seus aplicativos mais rapidamente."

Sim, é exatamente isto que você está pensando. É a função 3D touch desenvolvida pela Apple através de modificações no hardware dos iPhones, porém o Google obteve o mesmo efeito utilizando somente software. Este recurso, na época que foi lançado pela "maçã" fez muito sucesso entre os fãs da marca, pois permitia acessar mais rapidamente as funções principais dos apps, sem a necessidade de vários toques para se chegar onde queria.

Foi dito pelo site The Verge que:

"No momento, o Long Press funciona em um conjunto selecionado de aplicativos e interfaces de usuário do sistema, como o Iniciador de aplicativos, Fotos e Drive. Esta atualização acelera o pressionamento para abrir mais opções mais rapidamente. Também planejamos expandir seus aplicativos para mais aplicativos primários em um futuro próximo."

Resumidamente, o novo recurso permite que você aperte a tela com mais força para abrir menus ativados por pressão longa de forma mais rápida. Isso funciona graças aos algoritmos de machine learning desenvolvidos pela Google para detectar um pressionamento forte, algo que para a Apple foi necessário a utilização de hardware.

Confira abaixo o vídeo do Google mostrando as novidades que estão chegando para os celulares Pixel:

O que achou das novidades? Comente nas redes sociais e compartilhe conosco a sua opinião!

Fonte: The Verge

Samsung Galaxy M53 5G: dá uma olhada nesse celular!

Comentários
Minha foto
Insira um comentário