Oficina da Net Logo

Brasil pode iniciar investigação contra o Google por abuso no Android

O caso atual é bastante semelhante quando o Google acabou sendo condenado a pagar multa bilionária para a União Europeia por abuso de sua posição dominante.

Por | @oficinadanet Google Pular para comentários

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) pode abrir um processo de investigação contra o Google por suposto abuso no que diz respeito ao mercado de sistemas operacionais para smartphones. As informações foram divulgadas pelo Valor Econômico.

O caso atual é bastante semelhante quando o Google acabou sendo condenado a pagar multa bilionária para a União Europeia por abuso de sua posição dominante e com isso prejudicando a concorrência.

Brasil pode iniciar investigação contra o Google por abuso no Android.Brasil pode iniciar investigação contra o Google por abuso no Android.

Leia também: Leia em destaque: 7 serviços do Google que estão desativados e obsoletos.

De acordo com Alexandre Barreto, presidente do Cade, tudo ainda está sendo analisado.

“O que estamos fazendo agora é analisar a decisão da União Europeia para decidir se é o caso de termos uma atuação aqui ou não. Estamos analisando para ver se será aberto algum tipo de investigação.”

O Google ainda não se manifestou sobre o assunto. Porém, baseado na condenação ao pagamento de US$ 4,91 bilhões para a União Europeia, o CEO da companhia chegou a afirmar que isso poderia fazer com que o Android fosse pago.

O órgão antitruste europeu diz que o Google utiliza o Android para fortalecer os seus próprios produtos em relação a outros desenvolvedores. Com o Chrome instalado nos smartphones, por exemplo, faz com que os usuários adotem o browser do Google e não buscam por alternativas.

Ainda é muito cedo para sabermos se a investigação irá seguir adiante no Brasil. De qualquer forma, outro caso em que a gigantes das buscas está envolvida deve ser julgado ainda nesta semana. No processo em questão a companhia é acusada de práticas anticompetitivas ao favorecimento no “Google Shopping”. Assim, a empresa estaria deixando concorrentes como Buscapé e Bondfaro em desvantagem.

O mesmo tipo de julgamento já ocorreu na União Europeia. Por lá, o Google foi condenado a desembolsar uma multa de 2,4 bilhões de euros, o equivalente a R$ 10 bilhões.

MAIS SOBRE: #Google  #Android  #Brasil  #concorrencia
Comentários
Carregar comentários