Oficina da Net Logo

Gmail agora pode funcionar de modo offline

O serviço do Google ainda permite aos usuários acessar as mensagens mesmo quando estiverem offline.

Por | @oficinadanet Google Pular para comentários

Nas últimas semanas, o Gmail vem recebendo muitas novidades, o que tem agradado muito os seus usuários. Durante a I/O 2018, além de um novo design, também foi revelado uma função de texto preditivo, que já pode, inclusive, ser testada na sua conta.

Para completar, o serviço do Google ainda permite aos usuários acessar as mensagens mesmo quando estiverem offline. Está disponível nas configurações do Gmail uma nova opção para que e-mails sejam sincronizados com o computador para que as mensagens importantes não sejam perdidas mesmo em caso de queda de conexão.

A nova funcionalidade permite que o usuário responda e também envie mensagens, que ficarão na caixa de saída até que haja internet novamente. Quem tiver interesse deverá usar o Google Chrome a partir da versão 61. Vale mencionar que outros navegadores não terão a mesma possibilidade, já que o uso deverá ficar mesmo restrito ao ecossistema do Google.

Gmail agora pode funcionar de modo offline.Gmail agora pode funcionar de modo offline. Leia em destaque: 7 serviços do Google que estão desativados e obsoletos.

Leia também:

Para completar, além de usar o Google Chrome também é necessário que a conta seja administrada pelo Google. No que diz respeito a contas profissionais e estudantis, o administrador do domínio é quem irá promover as alterações.

Confira outras novidades do Gmail:

 Inteligência artificial

A Inteligência artificial está presente em várias ferramentas do mundo tecnológico. No Gmail, as Respostas Inteligentes irão chegar também para a versão desktop. O Google diz que mais de 10% das respostas de e-mails feitas através do smartphone são do recurso, por essa razão, também foi aplicada nesta atualização.

Modo confidencial

A novidade adiciona recursos que permite ao remetente do e-mail selecionar um tempo de expiração para a mensagem que foi enviada. Deste modo, o e-mail pode ser enviado com um prazo de validade, em que todo o conteúdo será apagado dependendo do tempo que a pessoa estipulou.

Autenticação em dois fatores

Para garantir uma maior segurança, o Google implantou um modo de autenticação em dois fatores, assim, é enviado um código por SMS.

Com a proteção IRM, os e-mails com a opção aplicada não poderão ser enviados para outros endereços, bem como baixados e nem poderá ser realizada uma captura de tela. O Google diz que tais funcionalidades irão “proteger seus dados mesmo que a conta de e-mail do destinatário tenho sido inválida”.

MAIS SOBRE: #Google  #Gmail  #novidades  #offline
Comentários
Carregar comentários