Os 10 gamers mais ricos

Conheça os dez gamers mais ricos do ano de 2019 e entenda como eles conseguem obter tanto dinheiro e influenciar tantas pessoas.

Fonte: Forbes
Fonte: Forbes

Nem sempre vender é tudo no mundo dos jogos, por incrível que pareça. Prova disto é o famoso jogador do Battle Royale Fortnite, Tyler "Ninja" Blevins, que adquiriu ao longo de 2019 o valor de aproximadamente US$17 milhões, onde menos de um décimo disso foi proveniente de campeonatos. Com 28 anos o Pro Player obteve apenas US$100 mil em torneios de jogos que participou. A grande parte dos ganhos dos esportistas de games advém de sua influência nas redes sociais, com milhões de seguidores, de acordos e patrocínios.

Os jogadores profissionais conseguem milhões de dólares através de, por exemplo, canais de streaming ao vivo (lives) como o Mixer, criado pela Microsoft, onde "Ninja" possui aproximadamente 2,8 milhões de usuários. O player profissional de cabelos azuis possui simplesmente 22,7 milhões de inscritos no YouTube e 14,9 milhões de seguidores no Instagram.

Tyler "Ninja" também já fez acordo com a Red Bull para colocar sua imagem nas latinhas, com a Adidas para fazer uma versão de calçado em homenagem ao Pro Player. Como se não bastasse, ele já participou de programas de TV como "The Tonight Show", de Jimmy Fallon, e "Daily Show", de Trevor Noah. Ainda há a venda de diversos artigos relacionados ao gamer vendidos em redes como Walmart.

Com tantas aparições, vendas e influência, Ninja acabou obtendo o primeiro lugar na Forbes dos gamers mais bem pagos do mundo de 2019. Entretanto, ele é somente uma das diversas imagens na internet que possuem como negócio a cultura do streaming e dos jogos, que faz parte do marketing de empresas como Monster Energy, Postmates e State Farm. De acordo com a eMarketer, foram gastos em patrocínio e publicidade relacionado a games o equivalente a US$3,3 bilhões no ano de 2019.

Uma das maiores fontes de receita dos streamers é através do pagamento de "gorjetas" durante as transmissões ou de assinaturas da Twich e Mixer (com uma porcentagem para a empresa e para eles). Quando Tyler estava em seu auge, chegou a ganhar US$500 mil por mês, através de taxas de US$4,99 da Twitch.

Depois de três meses que Ninja havia se mudado da Twitch para a Mixer, o ex-jogador de "Counter Strike Global Offensive", que aposentou em 2018 aos 23 anos), seguiu os movimentos de seu colega de profissão. Ambos aproveitaram o momento em que a Microsoft não estava medindo esforços para tornar a plataforma de streaming relevante, frente ao YouTube, Facebook e Twitch.

O anúncio da mudança de Ninja para a nova plataforma criada pela Microsoft, acabou desencadeando uma caça aos talentos. Desde o ocorrido, empresas como Facebook, YouTube e Caffeine andam contratando player como Jeremy "Disguised Toast" Wang, Jack "CouRage" Dunlop e Rachell "Valkyrae" Hofstetter, para a realização de promoções.

De acordo com a Forbes, a Mixer deve pagar, em 3 anos, US$20 milhões para o jogador Michael "Shroud", mesmo com a diminuição do número de seguidores com a mudança de plataformas (na Twitch havia 7 milhões e agora ele tem 1 milhão na Mixer). Há também o patrocínio da EA Games e Activison Blizzard para que o Pro Player jogue seus jogos em live streaming.

10 gamers mais ricos

Confira abaixo os gamers que obtiveram maior receita no mundo:

1 - Ninja (Tyler Blevins)

Receita: US$17 milhões

Pro Player n° 1, esteve em todos os cantos no ano de 2019, indo desde latinhas nas lojas de postos de conveniência até roupas de cama em supermercados, além de participação em comerciais da NFL. Mesmo com a queda de sua fama, não houve queda na sua influência, conseguindo obter patrocínios com empresas como Adidas, Red Bull e PSD (designer de roupas intimas). O recente acordo com a Microsoft ajudou a mudar a maneira como é feita a transmissão ao vivo, dando vida nova as live streamings.

2 - PewDiePie (Felix Kjellberg)

Receita: US$ 15 milhões

Felix Kjellberg, o maior YouTuber do mundo, chegou a declarar que fará uma pausa após outro ano problemático. No mês de setembro do ano passado, o jogador havia prometido doar US$50 mil à Anti-Defamation League, ONG judaica internacional, para que desconsiderasse o seu erro nas falas antissemitas. Entretanto, do nada, ele simplesmente cancelou a doação após algumas falas de seus fãs. O gamer ainda é popular como sempre, conseguindo atingir 4,5 bilhões de visualizações em 2019.

3 - Preston (Preston Arsement)

Receita: US$ 14 milhões

Jogador popular de Minecraft e vlogueiro, obteve mais de US$1 milhão no ano de 2019, jogando edições personalizadas com microtransações no game.

4 - Markiplier (Mark Fischbach)

Receita: US$ 14 milhões

Obteve audiencia através de suas reações bizarras e engraçadas em um jogo de terror chamado "Amnesia: The Dark Descent". Além disto, no final do mês de outubro do ano passado, o player lançou um filme oroginal do YouTube chamado "A Heist with Markiplier".

5 - Shroud (Michael Grzesiek)

Receita: US$ 12,5 milhões

Não estar vinculado a nenhum game em específico, fez com que Michael se torna-se o favorito para parcerias com grandes desenvolvedoras de jogos como a EA Games, a Ubisoft e a Activision Blizzard. O Pro Player também possui uma linha de roupas da marca Jinx.

6 - DanTDM (Daniel Middleton)

Receita: US$ 12 milhões

Transformou-se na sensação do momento por conta de seus vídeos do game Minecraft, obtendo incríveis 22,4 milhões de inscritos. No ano passado, o player realizou uma turnê do "The Contest".

7 - VanossGaming (Evan Fong)

Receita: US$ 11,5 milhões

A falas cômicas de Fong conseguiram chamar a atenção de 24,9 milhões de pessoas inscritas, obtendo 1,6 bilhões de visualizações na plataforma de videos YouTube no ano de 2019.

8 - Jacksepticeye (Sean McLoughlin)

Receita: US$ 11 milhões

Sean posta videos com diversos games e tornou-se o YouTuber mais popular da Irlanda, obtendo 23,2 milhões de inscritos. Ele ficou tão famoso, que chegou a criar, no final de 2018, uma marca de roupas através de uma parceria com o jogador Mark "Markiplier" Fischbach.

9 - TimTheTatman (Timothy Betar)

Receita: US$ 8 milhões

Suas lives engraçadas e agradaveis do game Fortnite, o tornou uma pessoa muito procurado pelas marcas, indo de Reese's a Bud Light. Em algumas noites, o jogador é comentarista de jogos de futebol americano da NFL na Twitch. No final do ano passado, o Por Player conseguiu fehcar um contrato de exclusividade de streaming com a Twitch.

10 - Nickmercs (Nick Kolcheff)

Receita: US$ 6 milhões

O jogador ficou famoso ao fazer transmissões de Fortnite com um controle, que costuma aumentar a dificuldade consideravelmente para realizar os comandos se compararmos com um mouse e teclado. Isto tornou ele o um dos dez streamers mais assistidos de 2019, fazendo com que a Twitch assinasse um contrato de exclusividade (estimado em US$2 milhões) de dois anos com ele.

TV QLED barata para NETFLIX? 👇

Comentários
Minha foto
Insira um comentário