Review Philips Hue Starter Kit: Só faltou o preço ser Starter

Testei o kit de iluminação Hue Starter Kit da Philips. Um produto cheio de recursos que tem como ideia principal a inicialização da sua casa conectada.

Review Philips Hue Starter Kit: Só faltou o preço ser Starter

Recebemos o kit Starter da Philips para analisar, ele promete integração com aplicações terceiras e alta conectividade. Tudo controlado por aplicativo próprio ou por assistentes de voz. Com esse kit você consegue iluminar até três ambientes e controlá-los pela internet, mas a que custo?

A ideia de tornar a casa mais conectada é sem dúvidas o próximo passo de quem comprou ou construiu um imóvel. Os com kits prontos são opções para quem não pensou o projeto da casa como sendo conectada.

De fato é fácil de instalar, basta plugar as lâmpadas, instalar o aplicativo e configurar, sem necessidade de programação e estrutura da casa, simples e fácil. Porém, saiba que no Brasil, atualmente essas lâmpadas compradas separadamente custam no mínimo R$ 80, para iluminar 9W. São caras para fazer um projeto de casa por completo. O projeto de casa conectada pensada desde a planta pode ser mais benéfico, esse é ponto que você deve considerar antes de construir. Quem adquiriu um imóvel pronto, ou já construiu, não tem muito o que fazer, certamente você pode montar algumas coisas na sua casa e ir montando o projeto aos poucos, como estou fazendo.

Philips Hue Starter Kit

Philips Hue Starter Kit
Philips Hue Starter Kit

A Philips têm mais equipamentos para casa conectada, o Starter Kit é um projeto inicial seu, ele comporta três lâmpadas de 9W e um "roteador" que controla e sincroniza a iluminação.

Conectividade do sincronizador
Conectividade do sincronizador

Esse conjunto com três lâmpadas custa mais de R$ 1000, será que com esse valor você consegue montar algo diferente? Provavelmente sim, mas primeiro veremos os benefícios que o Philips Hue Starter Kit traz e se justifica comprar o kit.

Assistentes de voz

Já comprou um assistente como Alexa, Google ou mesmo a Siri para a sua casa? Se sim, saiba que o kit é compatível com todos eles. Se não comprou, o seu Android é compatível também, basta baixar o app Google Home. O que você vai poder fazer com o kit conectado aos assistentes? O que eu fiz foi colocar uma lâmpada em cada cômodo da casa em que eu gostaria de controlar de forma automática. Depois, no assistente você cria ambientes e cadastra essa lâmpada no ambiente, feito isso, você pode emitir comandos do tipo: - Alexa, ligue a sala. Aí ela recebe o comando e liga a luz da sala.

Perfeito, agora você já é um cara moderno que consegue ligar e desligar a luz de sua sala por comando de voz. É só isso? Não. Além de ligar e desligar uma lâmpada, você pode também emitir comandos de cores para cada um dos ambientes, ou todos da mesma cor.

Rotinas

As rotinas são algo que gosto também, primeiro, eu criei uma rotina para a sala. Todo dia, às 19 horas a Alexa liga a lâmpada da sala em 70% da potência. Às 20 horas ela diminui para 60% e, de hora em hora, vai diminuindo 10% por hora, justamente para começarmos a nos ambientar com o escuro e ficar mais confortável para dormir. Se eu esquecer de desligar a sala, às 23:30 automaticamente desliga.

Rotinas
Rotinas

Pode parecer estranho ir diminuindo a intensidade da luz, mas olha, tem feito um bom resultado aqui. Principalmente se você aciona uma cor mais amarelada no final da noite.

Além de rotinas como essas, você pode configurar outros comandos legais, como por exemplo: - Alexa, boa noite. Fazendo isso, ela desliga todos os ambientes, eu configurei isso, além é claro da Alexa te desejar uma boa noite também =D.

App

O "roteador" que falei antes, quando conectado ao aplicativo Hue da Philips, consegue sincronizar as lâmpadas melhor. Além das rotinas e comandos básicos, existe no aplicativo opções de sincronizar com a música que você toca e também, se você tiver algum produto das empresas que já têm projetos, como a Razer, por exemplo, pode sincronizar as luzes do seu pc com as lâmpadas.

Conectividade com apps terceiros
Conectividade com apps terceiros

Alguns modelos de televisores tem sincronia direta também, porém, nenhum dos que tenho aqui na minha casa têm opção.

Problemas desse kit

A tecnologia envolvida em lâmpadas wifi ainda é básica, algumas como a Philips estão criando integrações terceiras que estão indo à frente, como por exemplo a sincronia de jogos e iluminar o ambiente conforme o cenário do jogo, mas é basicamente esses comandos acima mencionados que você vai poder usufruir na sua casa.

Valor

Uma lâmpada da Philips custa R$ 340
Uma lâmpada da Philips custa R$ 340

O valor cobrado pelo kit é sem dúvidas fora de cogitação, a tecnologia empregada no kit não justifica os R$ 1000 pagos para adquirir esse produto. Primeiro, você não precisa de um sincronizador logo de cara e, com 1000 reais, vai conseguir comprar umas 12 lâmpadas. Conectadas ao seu smartphone, já é possível fazer bastante coisa na sua casa. Muito melhor que apenas três lâmpadas, concorda?

Ainda assim, 12 lâmpadas por R$ 1000 é um valor caro. Se você é futriqueiro e entende um pouco das tecnologias, vai encontrar kits com fitas led e controladores por wifi por muito menos.

Ah, se você quiser comprar uma lâmpada em separado, para melhorar seu kit, é preciso desembolsar cerca de R$ 340. Agora imagine, para fechar 10 lâmpadas em casa você compra o Kit e precisa ainda mais 7 destas. 1000 reais pelo Kit + 7x340 = 1000 + 2380 = R$ 3.380. Com três mil e trezentos reais você tem 10 lâmpadas para brincar em casa.

Iluminação fraca

9W é a potência total da lâmpada. Elas são de LED, por este motivo, existem três cores em cada lâmpada. Vermelho, verde e azul, o famoso RGB. Para formar luz branca, a lâmpada liga todos os leds no máximo da potência, ou seja, 9W. É a cor mais forte que você vai conseguir. Quando for iluminar um ambiente com apenas uma cor, azul, por exemplo, o máximo de potência que vai conseguir é equivalente a 3W, ou seja, a luminosidade será 1/3 do total. Então, para conseguir criar um efeito de iluminação colorida, você vai precisar escurecer o ambiente. Caso tenha outras lâmpadas ligadas, elas vão sobrepor a luminosidade e simplesmente o azul será praticamente imperceptível.

Fizemos um teste em nosso estúdio, colocamos as três lâmpadas em um softbox e mesmo com as três ligadas no mesmo tom de cor, elas não foram suficientes para iluminar um canto do estúdio e criar um efeito para os vídeos. Se o seu intuito é fazer isso, você vai conseguir se, fizer o fundo com as lâmpadas e colocar uma luz apenas no personagem para iluminar o rosto, mantendo o ambiente e cenário escuros.

Veredicto

Simplesmente eu não indico a compra do Kit Starter da Philips. Opções como a lâmpada da Positivo, de 10W por R$ 79,90 podem criar a ideia de tornar a iluminação por internet da sua casa muito menos onerosa.

Questionei a Philips pelo motivo de cobrarem 1000 reais pelo kit, e segundo a assessoria de imprensa:

"Com o starter kit, é possível automatizar e sincronizar as luzes em três pontos diferentes da casa e todos conectados via ponte (bridge), que pode conectar até 50 lâmpadas. O valor sugerido do Starter Kit Philips Hue é R$1.099,00. Comparada às concorrentes, o valor é maior por conta da maior qualidade Philips e também o recurso de sincronização com TVs que só essa lâmpada inteligente possui".

Ou seja, é caro por que a Philips quer que seja caro. É inegável que o produto têm bastante recursos e suas lâmpadas são de qualidade, mas não justifica o preço de 12 lâmpadas custarem 3.

Review Notebook ASUS Zenbook 14 UX435: Duas telas, bateria top e muito bonito

O Zenbook 14 versão UX435E, acabou de ser lançado e, sim, a ASUS já nos enviou. Testei ele pelas últimas semanas trabalhando diretamente, minha vontade de mostrar essa segunda tela era tanta, mas não podia. Olha só que animal, o touchpad vira uma tela secundária, totalmente personalizável e útil. Vem ver o que o Zenbook 14 de 2021 tem para te oferecer, o que ele traz de novidades e claro, se vale a pena pagar o preço.

Conteúdo relacionado

Motorola Moto G60 é bom em jogos? - Roda Liso
Roda Liso

Motorola Moto G60 é bom em jogos? - Roda Liso

Analisamos o novo MOTO G60 em onze diferentes jogos de Play Store, dentre eles, Free Fire, Fortnite, PUBG, Call of Duty Mobile, Genshin Impact e outros. Como é jogar com o Moto G60?

REVIEW LG Xboom GO PL2, PL5 e PL7: Caixas de som bluetooth de 2020 da LG
Gadgets

REVIEW LG Xboom GO PL2, PL5 e PL7: Caixas de som bluetooth de 2020 da LG

Testamos a LG Xboom PL 2, PL 5 e PL7, caixas de som bluetooth lançadas em 2020 pela LG, será que elas valem o preço que se paga para ter o benefício oferecido?

LG Xboom Go PK7, melhor que JBL Xtreme 2? - REVIEW
Gadgets

LG Xboom Go PK7, melhor que JBL Xtreme 2? - REVIEW

Analisamos a caixa de som bluetooth LG Xboom Go PK7, com 40W RMS, dois drivers + dois twitters, com proteção IPX5 para água. Será que vale a pena comprar ela?

Review LG 29UM69G - O Ultrawide
Hardware

Review LG 29UM69G - O Ultrawide "Gamer" mais barato do Brasil

Provavelmente o monitor 29" mais famoso do mercado brasileiro, o 29UM69G é sem dúvidas o ultrawide mais pedido quando se trata de reviews, então vamos a ver como ele se comporta em nossos testes.

Review Notebook ASUS Zenbook 14 UX435: Duas telas, bateria top e muito bonito
Notebooks

Review Notebook ASUS Zenbook 14 UX435: Duas telas, bateria top e muito bonito

Analisamos notebook o Zenbook 14 versão UX435 da ASUS. Com Core I7, 8GB de RAM e 512GB de armazenamento em SSD, destaque para duas telas e bateria duradoura, será que vale a pena pagar mais de R$ 9000?

Review Notebook Samsung Galaxy Book S : Leve, fino e lindo, mas VALE A PENA?
Notebooks

Review Notebook Samsung Galaxy Book S : Leve, fino e lindo, mas VALE A PENA?

Leve, fino, moderno e com bateria para o dia inteiro, esse é o Galaxy Book S, notebook portátil para correria do dia-a-dia.