8 Razões porque você deveria comprar um Leitor de e-book para estudar

Quando se trata de estudos, gastos na verdade não são gastos, e sim investimento em você mesmo. Confira 8 razões pelas quais você deveria comprar um Leitor de e-book para estudar.

Por Gadgets 3 comentários
8 Razões porque você deveria comprar um Leitor de e-book para estudar

Quando se trata de estudos, gastos não são de fato gastos, e sim investimento em você mesmo. E tudo o que pode facilitar sua vida quando se trata de conhecimento, poderá te levar bem mais longe. Os estudantes sabem que começo de ano geralmente significa uma corrida para comprar diversos livros didáticos, solicitados pelos professores.

Mas nos últimos anos, equipamentos digitais estão sendo muito utilizados para reduzir cursos e o peso de sua mochila. Cada vez mais é comum ver estudantes fazendo o uso de um leitor de e-book para armazenar e ler os seus livros didáticos.

Leia também: Como o transplante de medula óssea 'curou' dois portadores de HIV?

8 Razões porque você deveria comprar um Leitor de e-book para estudar

Se você não tem certeza de que investir cerca de R$ 300 em um leitor de e-book é um investimento acadêmico que vale a pena, aqui estão 8 razões pelas quais vale a pena considerar comprar um Kindle, Kobo, outro leitor de e-book.

1. Peso

Carregar apenas três livros em uma mochila pode chegar a um peso de 15 quilos, sob suas costas, e após um longo dia, você provavelmente terá dor. Até mesmo um notebook tem entre quatro e cinco quilos. Escolhendo um leitor de e-book para ler seus textos, significa substituir todos esses quilos por menos de 200 gramas, e você talvez consiga colocá-lo no bolso. 

2. Custos

Um dispositivo multiuso, como um iPad, pode ser um leitor de livros digitais decente (desde que você não vá ler ao ar livre, ou sob a luz do sol), mas o um iPad mais barato custa cerca de R$ 2000. A maioria dos leitores de e-books custa cerca de R$ 300.

Normalmente, livros digitais custam muito menos do que a mídia física. Por exemplo, o Código Civil Brasileiro 2019 custa, na Amazon, mais de R$ 70 (mídia física), enquanto a versão digital sai por menos de R$ 7. Além do valor do livro, quando se trata de mídia física, você terá que pagar por um frete.

Por exemplo, até a cidade de Porto Alegre, eu teria que pagar um frete de R$ 7,90, e esperar de 3 a 5 dias úteis pela chegada do produto, ou R$ 10,90 para entrega expressa, em que o produto chega entre 2 e 3 dias úteis. Lembrando que o Rio Grande do Sul é afastado do centro do Brasil, mas não tanto quanto cidades do norte e nordeste brasileiro, aonde esse frete seria maior ainda. Por exemplo, em Rio Branco, capital do Acre, os valores e prazo de entrega são alterados para R$ 11,90 de frete, com entrega entre 6 a 11 dias úteis, e R$ 14,90 para entrega expressa, que pode demorar cerca de 8 dias úteis.

Com um livro digital, não tem frete, não tem espera, e o custo do livro em si é muito menos.A diferença de valores variará dependendo do assunto, mas os e-books tendem a oferecer economia de maneira confiável, em comparação com as versões impressas. 

4. Destaques à vontade

Com os livros físicos tradicionais, muitos estudantes relutam em fazer anotações ou destacar passagens, por medo de estragar o livro. Se você fizer uma anotação e depois mudar de idéia, esses rabiscos podem se tornar uma verdadeira bagunça no seu livro. 

A maioria dos leitores de e-books oferece a capacidade de destacar textos e fazer anotações sem se preocupar com o vandalismo no livro.

5. Sociabilidade

Os fabricantes de leitores de e-books estão adicionando cada vez mais funções de mídia social aos seus gadgets. O Kobo tem o recurso 'Reading Life', enquanto a Barnes & Noble oferece o 'NOOK Friends'. 

Usando essas ferramentas, você pode se envolver em conversas sobre e-books, compartilhar pensamentos, fazer recomendações e, em alguns casos, emprestar títulos. É muito mais fácil do que tentar reunir um grupo de pessoas para uma sessão de estudo.

6. Adeus filas na biblioteca

A maioria dos leitores de e-books tem conectividade Wi-Fi. O que significa que, enquanto outros alunos ficam na fila para pegar livros, você pode fazer compras on-line sem esforço e ter o livro em seu equipamento quase instantaneamente.

Pesquisas mostraram que os proprietários de leitor de e-books tendem a ler mais do que com livros físicos. A conveniência de ter uma grande biblioteca no bolso é uma grande disso. Alunos que carregam um leitor de e-books têm a oportunidade de ler por alguns minutos enquanto viajam em trânsito, fazem um intervalo entre as aulas ou na hora do almoço. 

Com um leitor de e-book, o estudante não se limita em ler um ou dois livros que estão na mochila. Quando se trata de estudos, ler é definitivamente o melhor método de aprendizado.

8. Livros emprestados

As bibliotecas estão continuamente aumentando suas coleções de livros eletrônicos, e se você preferir relaxar em casa do que ter que ir a uma biblioteca para pegar um livro emprestado, um leitor de e-books permite que você pegue muitos títulos por até duas semanas sem gastar um centavo. 

Melhor ainda, você não terá que voltar à biblioteca para devolver os livros emprestados, e não há multas por atraso. O Kindle, da Amazon, foi excluído deste recurso, mas outros e-readers ainda tem essa possibilidade.

E a bateria, não vai ser um problema?

Nós todos sabemos que os estudantes nen sempre tem tempo para se preocupar com coisas não tão improtantes, e o carregamento do leitor de e-books pode ser esquecido, em meio a tantas tarefas da rotina acadêmica. 

Mas a boa notícia é que a maioria dos leitores de e-books pode passar um mês sem recarga. Isso significa que, ao contrário de um tablet ou notebok, ou até mesmo seu smartphome, não é preciso se lembrar a todo momento de recarregar a bateria. 

Compartilhe com seus amigos:
Mais sobre: gadgets, ebook, e-reader, kindle, kobo
Priscilla Kinast
Priscilla Kinast Estudante de Ciência e Tecnologia na UFRGS - Universidade Federal do RS, apaixonada por inovações tecnológicas, mistérios da ciência, bem como filmes e séries de ficção científica
FACEBOOK // INSTAGRAM: @priscillakinast // TWITTER: @prkinast
Quer conversar com o(a) Priscilla, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias de Gadgets