Oficina da Net Logo

Facebook pede perdão em Congresso por vazamento de dados dos usuários

Agora, a expectativa é saber o que o Facebook irá fazer para reconquistar a confiança dos seus usuários.

Por | @oficinadanet Facebook

O Facebook, após bloquear a conta da Cambridge Analytica, por vazamento de dados, também suspendeu mais duas empresas da sua plataforma por possível envolvimento no caso de vazamento de informações dos usuários.

Uma das companhias é a canadense AggregatelIQ, que é suspeita de ser filiada à Strategic Communication Laboratories (SCL), proprietária da Cambridge Analytica. A informação foi dada pelo Facebook ao The Guardian. A empresa, por sua vez, disse que é 100% do Canadá e não possui vínculos com organizações estrangeiras, além de nunca ter acessado dados de modo indevido.

Facebook pede perdão em Congresso por vazamento de dados dos usuários.Facebook pede perdão em Congresso por vazamento de dados dos usuários.

Leia também:

A outra empresa em questão é a CubeYou. Ela é acusada de usar métodos semelhantes ao da CA na coleta indevida de dados. Conforme a CNBC, a companhia usa aplicativos para obter informações pessoais, como nomes, empregos, telefones e até status de relacionamento, com a finalidade de criar perfis voltados ao marketing. A CubeYou, em resposta, diz usar os dados em pesquisas acadêmicas.

Mark Zuckerberg pede desculpas

Através de um depoimento escrito para o Congresso dos Estados Unidos, o presidente do Facebook, Mark Zuckerberg, admitiu que a sua rede social não fez o possível para impedir o escândalo atual de coleta de dados sem permissão dos usuários.

Dica: Veja como saber se os seus dados do Facebook vazaram para a Cambridge Analytica.

“Está claro agora que não fizemos o suficiente para prevenir que essas ferramentas fossem usadas para causar danos. Não tivemos uma visão ampla sobre nossas responsabilidades, e esse foi um grande erro. Foi meu erro, e eu peço desculpas.”

Está marcado para a próxima quarta-feira (11) o depoimento de Mark Zuckerberg no Congresso norte-americano. Após de ler o seu relato, ele ainda terá que responder questões feitas pelos deputados sobre o assunto.

Como podemos perceber, o Facebook realmente não está em uma boa fase. Agora, nos resta aguardar para saber quais as alternativas que a rede social irá adotar para recuperar a confiabilidade de seus usuários.

MAIS SOBRE Facebook vazamento dados
SHARE
+ Notícias
Assine a nossa newsletter
Comentários