Recentemente foi relatado um novo golpe aplicado com clientes do cartão Nubank. Trata-se de um e-mail onde é informado ao usuário que o seu cartão de crédito está parcialmente bloqueado por medidas de segurança. O endereço do correio eletrônico utilizado para realizar o ato malicioso é cartoes@nubank.com.br, que pode até parecer oficial, mas é nada mais que uma conta falsa.

Como identificar o golpe do cartão do Nubank

De acordo com relatos de usuários do NuCommunity, fórum criado pelo Nubank, estão circulando mensagens enviadas via e-mail com os seguintes dizeres:

"Informamos que seu Cartão de Crédito encontra-se parcialmente bloqueado por medidas de segurança. Para evitar maiores transtornos, você poderá apenas realizar consultas de saldo e extrato."

E-mail malicioso com a mensagem de bloqueio parcial do cartão falsa. Fonte: Forum NuCommunity
E-mail malicioso com a mensagem de bloqueio parcial do cartão falsa. Fonte: Forum NuCommunity

Em seguida é disponibilizado um link que seguindo o autor do e-mail, foi criado exclusivamente para realizar o desbloqueio do cartão. Ao clicar no endereço indicado a pessoa é direcionada para um site onde é exigido número do CPF, telefone, e-mail, senha do e-mail, senha do cartão. Evidentemente estes dados irão ser utilizados para invadir a conta bancária da pessoa, utilizar o cartão da pessoa para compras na internet, entre outras atividades criminosas.

Para evitar que mais pessoas caiam neste golpe, o usuário "randrade86" diz:

"Já notifiquei a Polícia Federal (crime.internet@dpf.gov.br) e a Umbler.net (hospedeira do site) sobre o golpe."

Acredita-se que dessa forma, em breve, os responsáveis pelo golpe serão localizados em breve e punidos devidamente.

Posicionamento do Nubank sobre o ocorrido

O site seucreditodigital entrou em contato com o Nubank para obter esclarecimentos acerca do ocorrido. A fintech disse que:

"Esse tipo de atividade é crime, e sempre iremos colaborar com as autoridades competentes para investigar e coibir golpes como esse. Além disso, nós deixamos claro que nunca pedimos para que os clientes nos mandem seus documentos ou outras informações sensíveis por e-mail. Em casos de conteúdo suspeito, pedimos sempre que reportem por meio dos nossos canais de atendimento (chat, e-mail ou telefone), para que o conteúdo seja direcionado para o nosso time de especialistas. É importante também reportar o e-mail como phishing ao seu respectivo provedor de acesso."

O que achou do acontecimento? Comente abaixo e compartilhe conosco a sua opinião!

Fonte: NuCommunity