Gerenciando recursos humanos em TI

Conceituamos um projeto como: esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado.

Por | @gustavomr Carreira em TI

Conceituamos um projeto como: esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado. Para que este projeto saia do papel e vire realidade o gerenciamento de projetos cumpre um papel importante nas organizações aplicando os vários conhecimentos, habilidades, ferramentas e técnicas adequadas às atividades do projeto.

Gerenciando recursos humanos em TI

Uma das mais importantes áreas no gerenciamento de projetos e que precisam entendidas e estudas é a área de gerenciamento de recursos humanos. Embora seja uma área de conhecimento, na maioria das vezes, complexa e subjetiva exige constante pesquisa, sensibilidade e muita vivência do dia a dia e experiência para saber lidar com o ser humano.

O gerenciamento dos recursos humanos do projeto inclui os processos requeridos para possibilitar o uso mais efetivo das pessoas envolvidas com o projeto. Isto inclui todos os interessados do projeto – patrocinadores, clientes, contribuintes individuais e outros . Desta forma, para execução de qualquer projeto, seja ele projeto de software ou não, recursos humanos são necessários.

O sucesso de qualquer projeto passa muita vezes por bom gerenciamento de pessoas. Mas o porquê desta afirmação? Os projetos são executados na maior parte do tempo por recursos humanos. A escolha das pessoas que fazem parte do time de execução do projeto precisa ser bem pensada e definida. A escolha compreende desde a definição da vaga junto ao departamento de recursos humanos até a negociação salarial. Economizar e não definir o perfil necessário para a contratação de um recurso humano aumentam a probabilidade de insucesso para a execução e a continuidade de um projeto. Projetos não críticos podem sofrer menor influência destas variáveis, mas economizar durante a construção, por exemplo, de um foguete pode decretar até mesmo a falência de uma organização.

Um projeto já nasce com uma alta probabilidade de insucesso . São inúmeras as causas de insucesso em um projeto: mudança de escopo, liderança pouco atuante, riscos não planejados, ausência de acompanhamento e monitoramento do projeto, falta de alinhamento entre a equipe de projeto e as áreas de negócio, dentre outros. Todas as incertezas, medos e anseios de alguma forma contribuem para o fracasso dos projetos. As variáveis para o insucesso são tantas que o gerente de projetos e a organização precisa de uma equipe competente e comprometida para superar todos os eventuais contratempos.

Em linhas gerais, o gerenciamento de recursos humanos é complexa, sensível e estratégica e requer das organizações muita atenção para prever/antever o que sua empresa e funcionários precisam para desenvolver um bom trabalho. Elas compreendem, dentre outros fatores, treinamentos, definição de metas e avaliação de resultados.

As necessidades pessoais vão além da meritocracia (sistema em que os mais dotados ou aptos são escolhidos e promovidos conforme seus progressos), e precisam ser pensadas. Às vezes um simples “bom dia” já é um fator suficiente e sustentador para estimular o desenvolvimento de seus colaboradores.

Referências
A Guide to the Project Management Body of Knowledge (PMBOK 4 Guide). Project Management Institute.

Mais sobre: gerência equipe recursos humanos
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo