A história de Mark Zuckerberg

Mark Zuckerberg nasceu em White Plains, Condado de Westchester no estado de Nova York, filho de Karen e Edward. A mãe uma psiquiatra, e de Edward, o pai, um dentista. Mark é o único filho homem de quatro irmãos. Ele e as três irmãs, Randi, Donna e Arielle, foram criadas em Dobbs Ferry, Condado de Westchester, em Nova York.

Por | @oficinadanet Carreira em TI

Na escola onde estudava, a Ardsley High School, teve grande destaque em arte e cultura clássicas. Após foi transferido para a Phillips Exeter Academy, onde Zuckerberg ganhou vários prêmios em ciências da astronomia, matemática e física. Nos estudos clássicos, Mark aprendeu a ler e escrever francês, hebraico, latim e grego antigo e ainda pertenceu a equipe de esgrima. Em uma festa promovida por sua fraternidade durante seu segundo ano de faculdade, Zuckerberg conheceu Priscilla Chane e começaram a namorar. Em setembro de 2010, Zuckerberg convidou Chan, que estuda medicina atualmente, para morar em sua casa alugada em Palo Alto, Condado de Santa Clara no estado da Califórnia. Zuckerberg começou então a estudar mandarim chinês. O casal foi visitar a China em dezembro de 2010.

A história de Mark Zuckerberg

Zuckerberg teve acesso a computadores quando era criança e frequentava o ensino médio, na mesma época ele já escrevia softwares. O seu pai foi o responsável pelo ensinamento da Programação Básica em 1990 e, após, Zuckerberg teve aulas particulares com o desenvolvedor de software David Newman. O seu professor não exitava em chamá-lo de "prodígio", acrescentando que era "muito difícil ficar à frente dele." Zuckerberg fez um curso de pós-graduação no assunto no Mercy College perto de sua casa enquanto ele ainda estava no colégio. Ele gostava de desenvolver programas de computador, especialmente as ferramentas de comunicação e jogos. Em um desses programas que criou, surgiu o “ZuckNet”, a qual permitia que todos os computadores entre a casa e o consultório odontológico do seu pai pudessem se comunicar usando o ping para o outro. Ná época, bastante criativo. No ano seguinte surgiu o AOL Instant Messenger.

Durante alguns anos Zuckerberg, trabalhou em uma empresa chamada Intelligent Media Group, lá ele construiu um leitor de música chamado Synapse Media Player que usa inteligência artificial para aprender hábitos de escuta do usuário, na qual foi postada no Slashdot. Ele recebeu a classificação de 3 de 5 da PC Magazine. A Microsoft e AOL, na época, tentaram comprar o Synapse e também contratar Zuckerberg, porém, ele preferiu ingressar na Universidade Harvard em setembro de 2002.

Mark, na época, já era considerado um prodígio. Em Harvard ele estudou psicologia e ciência da computação e foi membro da Alpha Epsilon Pi, uma fraternidade judaica. Em seu segundo ano de curso, ele escreveu um programa que chamado CourseMatch, a qual permitia aos usuários tomarem decisões com base na seleção de classe a escolhas dos outros alunos como também ajudá-los a formar grupos de estudo. Após algum tempo, Mark criou um programa bem diferente, no inicio foi chamado de Facemash, o programa permitia aos alunos escolher a pessoa com melhor aparência nas fotos. Conforme informações de uma colega da época, esse programa foi criado inicialmente com um único propósito: diversão.

Leia também:

Ainda conforme informações de uma colega, na universidade haviam livros chamado Face Books, neles estavam incluidos os nomes e fotos de todos que viviam no dormitório estudantil. Inicialmente, ele construiu um site e colocou duas imagens ou fotos de dois homens e duas meninas. Os visitantes do site podiam escolher quem estava "quente" e de acordo com os votos seria formado um ranking.

A criação de Mark estava indo muito bem, fazendo grande sucesso.Portanto, no fim de semana, o colégio desativou o site porque sua grande popularidade tinha sobrecarregado o servidor de Harvard e impedindo que os outros estudantes tivessem acesso a web. Além disso, muitos alunos fizeram reclamações que suas fotos estavam sendo usadas sem permissão. Zuckerberg, pediu desculpas publicamente, e após, o estudante publicou artigos informando que seu site estava "completamente inadequado".

Depois do grande sucesso do site, os alunos solicitaram a universidade que desenvolvesse um site semelhante ao de Mark, que incluíssem fotos e detalhes de contato para fazer parte da rede de informática da faculdade. De acordo com informações, Mark ouviu esses argumentos e decidiu que se a universidade não fizesse, ele iria para um local q ainda melhor do que a universidade para poder construir o site.

Então, em 2004 Mark fundou o Facebook, juntamente com Dustin Moskovitz, Eduardo Saverin e Chris Hughes, quando eram estudantes da Universidade Harvard. No ano de 2010, Zuckerberg foi nomeado pela revista Time como a Pessoa do Ano.
O Facebook é a rede social mais conhecida e acessada atualmente. O seu criador já adquiriu muito dinheiro com seu programa, inclusive rendeu até um filme.

O filme conta a vida de Mark Zuckerberg, chamado “A Rede Social”. Quem quiser saber mais sobre sua vida não deixe de prestigiar o filme!

Mais sobre: históriasdigitais Facebook Mark Zuckerberg
Share Tweet
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo