Uber não tem licença renovada para operar em Londres

Uber perde a licença para continuar operando em Londres. A reguladora de transportes diz que não vai renovar a licença pois a estratégia e a conduta da aplicação demonstram falta de responsabilidade corporativa.

Por | @fsbeling Uber

Nesta sexta-feira (22) a Transports for London (TfL), reguladora de transportes da capital britânica, anunciou que não vai renovar a licença da Uber que termina no final do mês para continuar operando na cidade, a aplicação opera em Londres desde 2012.

Aplicativo deixa de funcionar em Londres a partir de outubro.Aplicativo deixa de funcionar em Londres a partir de outubro.A decisão foi tomada após a rede de transportes concluir que a Uber que opera em Londres não deve ter sua licença renovada uma vez que “sua estratégia e conduta demonstram falta de responsabilidade corporativa”, o que pode acarretar em problemas na segurança.

Através do Twitter, a TfL ressalta que as falhas estão relacionadas com os certificados médicos apresentados e também sobre a forma como o recrutamento é realizado. Além disso, também dizem respeito a abordagem da empresa quanto a denúncia de crimes, como ao uso do software Greyball, que permite condutores operarem de forma ilegal, sem a intervenção dos reguladores.

Mais de três milhões de pessoas que utilizam Uber e 40 mil condutores da capital serão afetados com a decisão, salienta a Boomberg.

De acordo com o New York Times, citando um porta-voz da TfL, a licença da Uber em Londres acaba no dia 30 de setembro, porém a empresa tem 21 dias para apresentar recurso da sua decisão. No caso, se empresa recorrer a decisão da TfL, poderá enquanto o processo está em tramitação continuar operando na cidade.

Segundo informa o Telegraph, os taxistas teriam ameaçado a reguladora TfL que avançariam para tribunal se a licença da Uber fosse renovada.

Logo após o anúncio da reguladora de transportes, o mayor de Londres, Sadiq Khan, disse que apoia a decisão e garante que todas as empresas devem seguir as regras, principalmente no que diz respeito à segurança dos clientes.

Khan ressaltou “Seria errado se a TfL continuasse a dar licença à Uber havendo a possibilidade de isso ser uma ameaça para a segurança dos londrinos”.

Mais sobre: Uber licença aplicativo
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo

Siga nossas contas no Twitter