Rússia planeja criar hotel de luxo na Estação Espacial Internacional

Quem se hospedar no hotel terá uma suíte com vista para a Terra através de uma janela de 22,8 centímetros de diâmetro, banheiros e estações médicas personalizadas.

Por | @oficinadanet Tecnologia

A agência espacial russa Roskosmos pretende criar um hotel de luxo na Estação Espacial Internacional (ISS). Conforme o Popular Mechanics, a ideia do hotel espacial surgiu para custear o novo módulo de pesquisa científica da estação.

Quem se hospedar no hotel terá uma suíte com vista para a Terra através de uma janela de 22,8 centímetros de diâmetro, banheiros e estações médicas personalizadas, bem como equipamentos para exercícios e até redes Wi-Fi. A viagem terá duração de duas semanas para a suíte de luxo na estação, com custo de US$ 40 milhões (R$ 133,5 milhões).

Também há a possibilidade de desembolsar mais US$ 20 milhões para ficar duas semanas extras na estação, o que fecharia um mês no espaço. Para completar o passeio, os hóspedes que optassem pela visita estendida poderiam sair da ISS e andar pelo espaço na companhia de um astronauta profissional. Confira como deverá ser a hospedagem através da imagem abaixo:

Rússia planeja criar hotel de luxo na Estação Espacial Internacional.Rússia planeja criar hotel de luxo na Estação Espacial Internacional.

Leia também:

O módulo turístico, de acordo com os planos da Roskosmos, teria quatro quartos para dormir, cada um deles com dois metros cúbicos de espaço, dois banheiros com tamanhos semelhantes. Para completar, haveria ainda uma área em comum para os hóspedes, com uma janela de 42,6 centímetros.

A ideia do hotel do espaço seria para custear o segundo módulo NEM. A ISS possui um módulo já em construção, que é paga pelo governo russo. A ideia, segundo o site, surgiu da empresa RKK Energia, prestadora de serviços do governo russo encarregada na construção dos módulos. A Soyuz seria a nave responsável por transportar as pessoas da Terra até a ISS.

Agora, para iniciar a construção a construção do segundo módulo é necessário encontrar 12 hospedes dispostos a desembolsar uma entrada de US$ 4 milhões pela viagem. Caso outros seis hóspedes aceitarem pagar o prelo da viagem, o investimento da empresa será recuperado em sete anos.

MAIS SOBRE iss naveespacial viagem
SHARE
+ Notícias
Comentários
 
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail