Samsung repensa sobre sua ida ao MWC (Mobile World Congress) 2020 devido ao Coronavirus

Após diversos surtos do Coronavirus em diversos países do mundo, a Samsung, desenvolvedora de smartphones, esta repensando a sua ida ao MWC (Mobile World Congress) 2020.

Por Smartphones
Fonte: samsunginter
Fonte: samsunginter

Após diversas desenvolvedoras de dispositivos mobile como Ericsson, Nvidia e ZTE, a Samsung está entrando para o grupo com empresas que estão com receio de ir para o MWC (Mobile World Congress) 2020. Assim como as outras companhias, ela decidiu diminuir o número de representantes que se deslocarão para o evento, devido ao risco de seus funcionários contraírem o Coronavirus.

Vários executivos da Samsung cancelaram suas viagens para Barcelona, no MWC

De acordo com pessoas informadas acerca do assunto, diversos executivos da Samsung decidiram cancelar suas viagens para Barcelona, Espanha, cidade onde irá ocorrer o evento na segunda metade deste mês (dias 24 a 27). No momento, a empresa ainda planeja ter sua presença na conferência com seu estande no salão, mas ainda assim há a chance de os planos mudarem antes da data marcada.

Segundo o site CNET, existe a chance de ocorrer uma grande parada de parcerias entre executivos de algo nível, que costuma ocorrer durante a MWC em lugares privados. Anteriormente a Samsung tinha o costume de revelar seus novos smartphones durante o evento de dispositivos mobile, entretanto agora ela decidiu anunciar o lançamento dos dispositivos da série Galaxy S em um evento chamado Unpacked, que ocorre nos EUA a algumas semanas antes do MWC. A expectativa é que a empresa anuncie o lançamento do Galaxy S20, Galaxy Z Flip e Galaxy Buds + amanhã, dia 11 de fevereiro, na cidade de San Francisco.

Diversas empresas estão evitando a China devido ao Coronavirus

O surto de Coronavirus está sendo uma pandemia, onde os sintomas se parecem com a pneumonia. Atualmente, mais de 37 mil pessoas no mundo já foram afetadas de alguma forma pelo vírus e já há 800 mortes decorridas da doença. A rápida transmissão por diversos territórios do mundo fez com que a indústria de tecnologia fosse afetada, pois a maioria das empresas possuem fabricas na China. Diversas companhias chegaram a fechar as suas fabricas, lojas e escritórios no país asiático, além de criarem regras para restringir as viagens.

Visto que o evento MWC tem uma média de 100 mil visitantes anualmente, a restrição de pessoas a participar deste evento pode não ser uma má ideia, pois dessa forma haverá uma chance menor de contaminação de pessoas pelo vírus.

O que achou da decisão tomada pela Samsung e as outras empresas de tecnologia? Comente abaixo e compartilhe conosco a sua opinião.

Fonte: sammobile

Recomendação do editor:

Compartilhe com seus amigos: