Oficina da Net Logo

Huawei distribui 200 baterias de graça em fila para compra dos novos iPhones

Huawei pega pesado nas provocações com a Apple, a concorrente vem mantendo uma disputa acirrada pelo mercado de smartphones.

Por | @fsbeling Smartphones

Os novos iPhones XS e XS Max começaram a ser comercializados em 30 países, dos quais o Brasil não faz parte, nesta sexta-feira (21). Com isso, formam-se longas filas dos fãs mais ansiosos para ter um dos novos modelos da Apple na mão, momento o qual foi aproveitado por outra fabricante para distribuir um produto.

Isso mesmo, ao que tudo indica a Huawei teria distribuído a algumas pessoas que aguardavam ansiosamente para adquirir o seu iPhone, 200 unidades do Supercharge, ou seja, a bateria portátil de 10.000 mAh, conforme informação do CNET.

O fato ocorreu na fila que se formou em frente da Apple Store de Singapura, em que além dos power banks vinha um bilhete dizendo “Aqui está um banco de energia. Você precisará dele. Cortesia da Huawei”.

Recado da HuaweiRecado da Huawei

Além disso, na Apple Store em Londres, a Huawei teria oferecido sucos sem nenhum vestígio de maça na composição, além de uma estação para recarga de celulares.

Com isso, é notável que há uma grande concorrência da Huawei com a Apple. O CEO da Huawei, Richard Yu, postou em sua página no Weibo, logo após a apresentação da Apple que ocorreu no dia 12 de setembro, o seguinte: “Obrigado por manter as coisas iguais. Vejo você em Londres", e "Obrigado por nos deixar ser o verdadeiro herói do ano. Vejo você em Londres. 16.10.2018".

Contudo, a postura da Huawei não foi bem vista pelos usuários dos aparelhos da fabricante, isso porque muitos tem relatado pelo Facebook que ao invés da companhia oferecer a bateria que custa em média US$ 72 aos clientes da Apple, deveriam ter distribuído entre os usuários da Huawei.

Fonte: CNET

MAIS SOBRE: #smartphones  #huawei  #apple  #iphone
Comentários
Carregar comentários
Siga o nosso Instagram!

Estamos lá também: @oficinadanetoficial

Seguir o Instagram do Oficina da Net