Remova esses aplicativos Android do seu smartphone agora

Apesar do Google intensificar seus esforços na detecção de aplicativos potencialmente perigosos, tudo indica que do outro lado o esforço é maior para burlar a segurança da Google Play.

Por Segurança digital Pular para comentários
Remova esses aplicativos Android do seu smartphone agora

Entre os últimos aplicativos encontrados na loja do Google contendo código potencialmente perigoso para seu smartphone encontram-se aplicativos de câmera e VPN que acumulam juntos centenas de milhões de downloads.

Os aplicativos de câmera, incluem o Sun Pro Beauty Camera e o Funny Sweet Beauty Selfie Camera, ambos identificados pelos pesquisadores da Wandera como aplicativos que carregam adwares.

Esses aplicativo juntos possuíam mais de 1,5 milhão de downloads entre eles antes de serem retirados da Play Store.

Naturalmente, os pesquisadores incentivam qualquer um que ainda tenha um desses aplicativos em seus smartphones a se livrar deles.

Google Play ainda luta para manter a loja de aplicativos para Android segura
Google Play ainda luta para manter a loja de aplicativos para Android segura

Os aplicativos também solicitavam várias permissões duvidosas, incluindo a possibilidade de gravar áudio a qualquer momento, bem como o lançamento de uma janela de alerta do sistema que permite ao aplicativo "induzir o usuário a clicar em algo que não deseja.

"Anúncios intrusivos fora do aplicativo interrompem os usuários no meio do fluxo de trabalho, bloqueiam os dispositivos, gastam a bateria do dispositivo e seu plano de dados", observam os pesquisadores da Wandera, adicionando contexto sobre a seriedade dos problemas encontrados com esses aplicativos.

Quanto aos aplicativos de VPN, um pesquisador da Nova Zelândia encontrou quatro com mais de 500 milhões de downloads que, segundo ele, cometem fraudes em anúncios.

Os aplicativos são: Hotspot VPN, Free VPN Master, Secure VPN e Security Master da Cheetah Mobile.

"No caso de fraude externa de anúncios", escreve o pesquisador Andy Michael, em um post do blog explicando suas descobertas, "os anúncios são exibidos enquanto os aplicativos estão sendo executados em segundo plano ou mesmo fora do ambiente do aplicativo (por exemplo, visualizações de anúncios colocadas na tela inicial e na aplicação de cobertura ícones que os usuários devem acessar para iniciar novos aplicativos).

"Como usuário, não só acho traiçoeiro para um aplicativo de privacidade invadir abruptamente a tela do meu smartphone, mas as constantes solicitações HTTP mantêm a CPU do telefone aquecida e drenam a bateria do telefone."

O fato desse quarteto de aplicativos ser originário da China e Hong Kong, onde o chamado Great Firewall significa que os cidadãos procuram regularmente aplicativos VPN como esses para contornar o bloqueio que existe por lá, os desenvolvedores inserem esses códigos para ganhar dinheiro com a exibição de anúnios nos aplicativos freemium, gratuitos com propaganda.

Para se livrar desse tipo de problema, vale investir em um único serviço pago, assim você tem acesso completo ao sistema e fica livre da propaganda antes exibida na versão gratuita.

Leia também: Como ativar o modo escuro no Google Chrome . Acompanhe as últimas notícias de tecnologia aqui no Oficina da Net. Sempre trazendo conteúdos novos e produtos interessantes.

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários