Estamos em 2019 e ainda existem pessoas que não cuidam de suas senhas?!

Milhões de pessoas estão usando senhas fáceis de adivinhar em contas confidenciais, indica estudo. Veja que senhas são essas e evite usá-las para sua própria proteção.

Por | @bgssilva Segurança digital Pular para comentários

A análise feita pelo Centro Nacional de Segurança Cibernética do Reino Unido (NCSC, na sigla em inglês) descobriu que a senha “123456” era a senha mais usada entre contas que foram violadas.

O estudo ajudou a descobrir algumas lacunas no que podem deixar as pessoas em risco de serem exploradas.

O NCSC disse que as pessoas deveriam escrever três palavras aleatórias, fáceis de memorizar somente por elas, para usar como uma senha forte.

National Cyber Security CentreNational Cyber Security Centre

Dados sensíveis

Em sua primeira pesquisa cibernética, o NCSC analisou bancos de dados públicos de contas violadas para ver quais palavras, frases e cadeias de caracteres as pessoas mais usavam.

No topo da lista a combinação “123456”, aparece mais de 23 milhões das senhas.A dica é, proteja suas informações com senhas difíceis!  

No topo da lista a combinação “123456”, aparece mais de 23 milhões das senhas.

A segunda senha mais popular, “123456789”, não era muito mais difícil de decifrar, enquanto outras senhas existentes também eram relativamente fáceis. Algo do tipo "password" ou  “1111111”.

Os nomes mais comuns, no país, foram Ashley, seguido por Michael, Daniel, Jessica e Charlie.

Não duvido muito de que aqui no Brasil, tenhamos senhas do tipo “Joao1234”, ou uma que julgo com tristeza ser a mais criada pelos esquecidos, o famoso número do próprio celular. Descobri sua senha?!

Se a pessoa é torcedora fanática por um time de futebol, descobrir suas senhas se torna ainda mais simples, artilheiros e goleiros estão no topo da lista do time preferido das pessoas.

“As pessoas que usam palavras ou nomes conhecidos para uma senha colocam-se em risco de serem hackeadas”, disse o Dr. Ian Levy, diretor técnico do NCSC.

"Ninguém deve proteger dados confidenciais com algo que possa ser adivinhado, como seu primeiro nome, time de futebol local ou banda favorita", completou.

Difícil adivinhar

O estudo do NCSC também questionou as pessoas sobre seus hábitos e medos de segurança.

Sempre utilize senhas fáceis para você mas difíceis para os outrosSempre utilize senhas fáceis para você mas difíceis para os outros

A pesquisa realizada indicou que em 42% dos casos as pessoas estão suscetíveis fraudes on-line e que apenas 15% das pessoas julgavam-se seguras o suficiente para se protegerem on-line.

Dos entrevistados, menos da metade, usa uma senha separada e difícil de adivinhar para sua conta de e-mail principal, por exemplo.

O especialista em segurança Troy Hunt, que mantém um banco de dados de dados de contas hackeadas, disse que escolher uma boa senha é o mínimo que as pessoas devem fazer em relação à segurança on-line.

Permitir que as pessoas saibam quais senhas foram amplamente usadas deve levar os usuários a fazer melhores escolhas, disse ele.

A pesquisa foi publicada antes da conferência Cyber ​​UK da NCSC, que acontecerá nos próximos dias em Glasgow, nos dias 24 a 25 de abril.

OFICINA DA NET NO YOUTUBE
Gosta de tecnologia, smartphones e hardware? Então inscreva-se agora!

Não, obrigado