Samsung registra lucro de US$ 8,3 bilhões no primeiro trimestre, aponta relatório

O lançamento do Galaxy S21 em janeiro pode ter impulsionado boa parte dos lucros da Samsung durante o primeiro trimestre de 2021. Confira!

Samsung, atual líder de vendas de smartphones do mundo, arrecado mais de US$ 8 bilhões no primeiro trimestre de 2021. (Imagem: Oficina da Net)
Samsung, atual líder de vendas de smartphones do mundo, arrecado mais de US$ 8 bilhões no primeiro trimestre de 2021. (Imagem: Oficina da Net)

A Samsung é uma empresa muito conhecida em todo o mundo e que atua em diversos segmentos do mercado. Toda essa autoridade é bem refletida nos números de cada categoria em específico, como também nos relatórios que apontam a faixa de lucro durante os últimos meses. Durante o primeiro trimestre de 2021, a empresa mostrou um saldo positivo, com um resultado bem melhor do que o mesmo período do ano passado.

De acordo com a Reuters, a Samsung Electronics fechou o mês de março com um lucro operacional de US$ 58,2 bilhões, isto é, US$ 8,3 bilhões em relação ao mesmo período de 2020, o que corresponde a um aumento de 44%. O relatório não aponta quais são os segmentos específicos do mercado da empresa que mais arrecadaram lucros, mas mostram um poder considerável em comparação com muitas de suas concorrentes.

O lançamento do Galaxy S21 foi um dos responsáveis para o lucro da empresa. (Imagem: Assessoria Samsung/Divulgação)
O lançamento do Galaxy S21 foi um dos responsáveis para o lucro da empresa. (Imagem: Assessoria Samsung/Divulgação)

Leia também:

Embora não existam números oficiais, uma estimativa sugere que a Samsung tenha vendido durante os meses de janeiro a março de 2021, aproximadamente 76 milhões de smartphones. Especula-se que esse resultado vem da estréia do Galaxy S21 e companhia, que caiu no agrado da crítica especializada e também do público.

Os preços agressivos durante os lançamentos de seus dispositivos intermediários também contribuíram para esse alto índice de lucro. Além disso, o ramo de televisores é outra ponta em que a gigante sul-coreana tem obtido êxito, assim como na venda de telas e processadores para o mercado de semicondutores.

Líder no Brasil e no mundo

Ao fim de cada mês deste ano, o Oficina da Net tem feito a análise do market share de smartphones no Brasil, o que tem evidenciado ainda mais o poder da Samsung em nosso país. A empresa já é bem consolidada no mercado brasileiro e defende o título de maior fabricante em atividade no país já há um bom tempo.

Agora, quando a análise envolve todo o mundo, os resultados tendem a apresentar uma maior variação entres os líderes de vendas. Em fevereiro, por exemplo, a Samsung chegou a registrar a venda de 24 milhões de unidades de smartphones, com uma participação equivalente a 23,1%. Esse resultado permitiu que a gigante sul-coreana voltasse ao primeiro lugar no ranking mundial de principais fornecedores de smartphones.

Em comparação com janeiro deste ano, a Samsung foi responsável por uma participação de mercado igual a 15,6%, enquanto em janeiro de 2020 foi de 12%. Nesta ocasião, a líder de vendas era a Apple, empresa que controlava 25,4% da participação de mercado. No mês seguinte, a Maçã registrou 23 milhões de iPhones vendidos com uma participação de 22,2% - como a Samsung foi ligeiramente melhor, a Apple perdeu a liderança.

Via

🔥O POCO F4 É MUITO BOM 👇

Comentários
Minha foto
Insira um comentário