Imagens mostram que Marte pode ter tido rio de água corrente no passado

A Sonda Mars Express detectou uma superfície parecida com um rio, e que segundo as características da fenda, pode significar que há muito tempo atrás águas correntes passaram por Marte.

Por | @marciobohrer Ciência

A Mars Express é uma missão espacial não tripulada da Agência Espacial Européia (ESA na sigla em inglês) e da Agência Espacial Italiana, destinada a estudar o planeta Marte. A Sonda foi lançada em 2 de junho de 2003.

A sonda registrou numa região Marciana chamada Reull Vallis, formações que milhões de anos atrás podem representar a passagem de água corrente no local. A formação, que realmente lembra um rio, tem comprimento de 1.500Km de distancia, 7Km de largura e 300 metros de profundidade, possuindo na sua extensão, diversos “afluentes”.

Imagens mostram que Marte pode ter tido rio de água corrente no passado

Os astrônomos acreditam que o gelo e o fluxo de detritos tenham ajudado na formação atual do “córrego” e que as águas fluíram por ali entre 1,8 bilhões e 3,5 bilhões de anos atrás.

Mais sobre: ESA Marte Ciência
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo