Apple registra queda de 3% nas suas ações nesta terça-feira

Pela primeira vez, desde fevereiro de 2012, as ações da companhia fecharam abaixo de US$ 500.

Por | @marciobohrer Smartphones

As recentes notícias de ter cortado pela metade a encomenda de componentes para fabricação do iPhone 5, teriam tido efeito nas ações da maçã, fechando o dia com uma queda de 3,15 %. A baixa derruba também o índice da Nasdaq. 

Apple registra queda de 3% nas suas ações nesta terça-feira
Imagem: Nasdaq

A ação da Apple era superior à US$ 500 desde fevereiro de 2012, alcançando picos de até US$ 705, no entanto com a baixa de ontem, o valor da ação ficou fechado em US$ 485,92. O fator mais agravante é que as quedas têm sido frequentes nos últimos três meses. A empresa fechou o dia valendo US$ 457,1 bilhões.

Com a baixa da maçã, empresas que têm vínculos com ela também sofreram perdas, fato que deixa alguns executivos destas empresas de menor porte, preocupados com o futuro. A empresa Japonesa Sharp, que fabrica as telas para a Apple, teve uma queda de 2,7% nas ações da bolsa de Tóquio.

A própria Samsung, que além de fabricar seus smartphones, fornece componentes para o iPhone, teve um queda de 2,58% na bolsa de Seul.

Enquanto a Apple amarga derrotas, tanto nos tribunais quanto nas vendas dos seus produtos, as concorrentes equipam-se para forçar ainda mais o embate com a empresa fundada por Steve Jobs. Durante a CES 2013, marcas como a ZTE e Huawei lançaram aparelhos capazes de entrar na briga com o iPhone e o Galaxy S III da Samsung.

Mais sobre: Apple iPhone5
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo