Lua pode ter sido formada da Terra

Cientistas de Harvard apresentaram uma nova teoria sobre o surgimento da Lua. Assim, eles acreditam que o satélite já tenha feito parte da Terra e que acabou se separando após uma grande colisão com outro corpo

Por | @oficinadanet Ciência

Cientistas de Harvard apresentaram uma  nova teoria sobre o surgimento da Lua. Assim, eles acreditam que o satélite já tenha feito parte da Terra e que acabou se separando após uma grande colisão com outro corpo.

Veja artigos e notícias sobre ciência

O trabalho foi publicado na última quarta-feira na revista “Science”, na qual Sarah Stewart e Matija Cuk explicam o sentido da sua teoria. Os cientistas dizem que tal fenômeno explicaria o por que da composição  química muito semelhante entre Lua e Terra.

"Uma colisão com muita energia pode ter derretido o corpo causador do impacto, e a maioria do seu material pode ter permanecido na Terra", sugerem os cientistas no estudo.

A Terra costumava  girar muito mais rápido quando a Lua foi formada, e o dia durava no máximo  três horas. Assim, com a rotação muito veloz da Terra, um impacto muito forte poderia ter lançado material para formar o que hoje conhecemos como Lua.

A teoria das cientistas explica também que a Terra atingiu sua atual velocidade de rotação através da interação gravitacional entre a sua órbita em torno no Sol e também sobre a órbita da Lua em torno a Terra.

A cientista Sarah  Stewart é professora de ciências da Terra e planetárias em Harvard, e Matija Cuk é astrônomo e investigador do Instituto Seti, ao qual apoia pesquisas na busca de vida extraterrestre. 

Mais sobre: Lua, formada, Terra
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.