Cuidado com o golpe do FGTS!

Criminosos virtuais tentar roubar dados de usuários através de links falsos da Caixa Econômica Federal.

Por | @oficinadanet Segurança digital

Os criminosos digitais estão sempre atentos às novidades para poder aplicar os seus golpes com um realismo maior. De acordo com um relatório da Kaspersky Lab, foi verificado nos últimos tempos um aumento no número de domínios falsos e ataques diários relacionados aos saques do FGTS.

Cuidado com o <a onclick="_gaq.push(['_trackEvent', 'link_tag', 'pfr19228', 'tagto_golpe']);" href='https://www.oficinadanet.com.br/golpe'>golpe</a> do FGTSCuidado com o golpe do FGTSO objetivo de tudo isso, claro, é justamente enganar os usuários, fazendo com que eles informem os seus dados bancários, e assim, permitindo que os criminosos possam roubar o dinheiro depositado.

Os ataques em questão envolvem o uso de domínios que levam a sites falsos que prometem mais informações sobre o saque do FGTS. Conforme a Kaspersky, os acessos foram criados através de contas de e-mail gratuitos, assim sendo, sem nenhuma relação com a Caixa Econômica Federal. Toda semana, em média, cem domínios acabam sendo bloqueados pelo sistema.

Lista de sites falsos.Lista de sites falsos.

O golpe também pode ocorrer através do envio de mensagens de texto que indicam que os dados do trabalhador estejam irregulares, sendo assim, seria necessário regularizar a situação. Porém, o site de acesso é falso, e mais uma vez o objetivo é o roubo de informações. Por dia, o número de taques deste tipo chega a 2,6 mil.

Vale mencionar que os dois tipos de golpes teriam iniciado em janeiro de 2017, após a liberação do dinheiro. Para ter um realismo maior, os sites falsos contam com um design semelhante com o oficial da Caixa Econômica Federal e acabam sendo disseminados através de links falsos em redes sociais e ainda links patrocinados em sites de busca.

A Kaspersky salienta que, antes de informar qualquer dado é necessário verificar se o site é realmente de algum órgão oficial. Também é preciso desconfiar sempre de mensagens suspeitas.

Mais sobre: golpe phishing kaspersky
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo