Células-tronco serão usadas para ressuscitar pessoas

Pesquisadores querem fazer com que pacientes com morte cerebral declarada possam sobreviver.

Por | @oficinadanet Ciência

As células-tronco podem ser a chave para conquistar uma vida longa, ao menos é o que pensam alguns pesquisadores. Além disso, elas poderão ser usadas no tratamento de diabetes e esclerose lateral amiotrófica (ALS). Agora, pesquisadores de uma empresa querem estudar para descobrir se tais células também poderão ser capazes de reviver pessoas que já morreram.

A ideia surgiu em Bioquark, que fica na Filadélfia. De acordo com o STAT, a empresa planeja lançar um estudo até o final deste ano sobre tal possibilidade.

Os pesquisadores pensam em injetar células-tronco na medula espinhal de pacientes que tenham tido morte cerebral declarada. Isso tudo em conjunto com a injeção de uma mistura de proteínas, estimulações elétricas do sistema nervoso e terapia de laser no cérebro.

Leia também:

Os estudiosos esperam que o tratamento possa forçar o crescimento de novos neurônios e a sua conexão uns com os outros, fazendo com que o cérebro volte a funcionar.

O método sequer começou a ser testado em animais. Os estudos estavam sendo conduzidos pela Bioquark em Rudrapur, na Índia, desde abril de 2016, porém, em novembro daquele ano acabou sendo interrompido pelo governo. O CEO Ira Pastor, agora, diz que eles estão de mudança para um país na América Latina.

O estudo ainda é bastante recente, e já há vários percalços pelo caminho, principalmente com os futuros testes que poderão ser feitos em pessoas com morte cerebral. Fica a pergunta, quem irá responder por elas?

Mais sobre: ciencia estudos pesquisa
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo