Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

Review completo da Xiaomi Mi Band 2. Uma pulseira/relógio de ótimo custo/benefício.

Por | @nmuller99 Tecnologia

Monitorar atividades físicas, pedômetro, sono, batimentos cardíacos e ainda mostrar a hora são as funções que a Mi Band 2 consegue fazer. Um produto barato, feito para as massas é a intenção da Xiaomi ao fabricar uma pulseira eletrônica de baixo custo. Com design aprimorado, uma tela monocromática e bastante estilo é que a Mi Band 2 abre as suas portas para o mercado.

Eu comprei a primeira Mi Band, foi o único produto que adquiri enquanto a Xiaomi comercializava os seus eletrônicos no Brasil. Para muitos a saída da empresa aqui do Brasil foi vista como um abandono, afinal somos um mercado que tende a comprar produtos que eles vendem. Eu realmente não entendo o que faz uma marca ficar por pouco tempo no Brasil e depois simplesmente dizer um adeus e sumir do mapa. Agora para comprar os produtos da Xiaomi somente através de importação.

Design

Uma “cápsula” pequena envolta em uma pulseira de borracha é o conjunto da Mi Band. Praticamente idêntica a versão anterior, a Mi Band é um acessório pequeno que às vezes dá sensação de nem estar no pulso. As pulseiras vêm em quatro cores: preta, laranja, verde limão e azul.

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

A versão que escolhi foi a preta. Nada impede de você comprar todas as cores de pusleiras e trocar conforme ocasião e necessidade, não é mesmo? Elas são vendidas em separado, portanto, facilita bastante combinar a pulseira com suas roupas ou outros acessórios.

A tela é em tom preto, black piano. Tem um botão localizado na parte inferior. Este é o único botão existente, funciona de modo touch. Ele serve para ativar a tela e mostrar quais informações você escolher. As informações são demonstradas uma de cada vez, afinal o display é pequeno e você pode vê-lo se posicionar a Mi Band no sol. A escolha do que mostrar é feita através do aplicativo instalado no seu smartphone.

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

Outra forma de ativar a tela, quando configurado, é apenas balançar seu pulso como se fosse olhar as horas em um relógio comum. Este movimento, ativa o relógio.

O encaixe da pulseira

O encaixa forma uma trama, você passa uma haste por dentro da outra, e pressiona o pino de metal para dentro dos buracos de medidas disponíveis.

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

É simples de ajustar. Lembre-se de tentar deixar o mais firme possível, de forma que não vá estrangular seu pulso, e nem muito solto a ponto de não captar os batimentos cardíacos.

Hardware

O dispositivo tem tamanho de 15,7x40,3mm de largura e comprimento. 10,5mm de espessura. Esta é a unidade de processamento, o hardware bruto mesmo. O peso é de 19 gramas. A carcaça dele é feita de alumínio e plástico, já a pulseira é totalmente emborrachada, salvo o pino de travamento da pulseira que é feito de alumínio, mesmo metal utilizado na carcaça.

A pulseira tem medidas de 235mm de comprimento. Ela tem ajuste no braço entre 15,5 e 21 cm. Portanto, se sua medida do pulso não estiver dentro deste padrão, a pulseira não servirá para você.

Tela

A tela é minúscula, 0,42” OLED. Você pode ver nesta imagem abaixo o quanto da tela é usada na face frontal do display.

 

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?Bateria

A bateria de 70mAh de lítio deve, por dados da fabricante, durar até 20 dias. Em nossos testes iniciais, durou 13 dias. Não é ruim, visto que uma carga de menos de 2 horas completa o aparelho.

Resistência IP67

A Mi Band 2 tem resistência certificada IP67, isto significa que, ele é totalmente protegido contra poeira, e tem proteção contra imersão de até 1m de profundidade por 30 minutos. Mas já vi alguns usuários se queixando de ter estragado apenas tomando banho com ele. Eu por via de dúvidas evito de tomar banho com a pulseira.

Conectividade

Possui conectividade bluetooth 4.0 BLE, não tem wi-fi. A pulseira é capaz de ser um dispositivo de desbloqueio inteligente do android. Sempre que a pulseira estiver por perto do aparelho, você não precisa ativar a senha, para desbloqueá-lo.

Recursos

Horário: A Mi Band 2 funciona como um relógio. Com a tela monocromática, é possível ver o horário durante a noite.

Pedômetro: Um contador diário de passos. Ele monta estatísticas no aplicativo, onde você pode determinar a média de passos diários, além de definir uma meta pessoal. Sempre que esta meta for atingida, a band vai vibrar e emitir uma notificação no smartphone. Com o pedômetro, podemos avaliar em média a distância percorrida, além das calorias consumidas, são duas opções que você pode ou não habilitar para aparecer no display.

Monitor de batimentos cardíacos: Este foi um dos motivos que me fizeram comprar a band. Porém, nos testes que realizei, ela não foi tão precisa quanto um medidor cardíaco convencional. Mas em meio a uma atividade física, é possível sim ter uma base. Mas não leve a band tão a sério. A leitura funciona na parte de cima do pulso, são emitidos dois feixes de luz verdes que conseguem determinar através da oxigenação do sangue, a frequência cardíaca. Existe um emissor infravermelho e um sensor óptico que fazem a leitura. A diferença entre o sangue oxigenado e o desoxigenado, que possuem propriedades ópticas diferentes, é o que mostra o fluxo de sangue. Um raio infravermelho passa através de sua pele. O sangue absorve parte dela, e o resto é enviado de volta. O sensor óptico recebe o raio infravermelho refletido, e um gráfico é feito. É assim que funciona o monitor cardíaco.

Monitor de sono: Além do contador de passos, ele pode monitorar o seu sono. Fazia isto já na band 1. Ao notar pouco movimento, baixa luz e pelo horário, ela consegue determinar quando foi que você começou a dormir. Ao se movimentar na cama, a Band conclui que seu sono está leve. Pouco movimento por um período maior, ela conclui que o sono é profundo. Se você levantar da cama, e mexer o braço caminhando, esta etapa será entendida como tempo acordado. No final da noite, ela faz um acompanhamento total e mostra em gráficos no seu aplicativo. Estes dados são salvos na sua base de dados e você pode ver os gráficos diários de sono leve, profundo e tempo acordado durante a noite.

Eu confio bem neste monitor, e realmente quando tenho menos tempo de sono profundo, é o dia em que estou mais exausto.

Vibrar ao tocar o telefone: está é uma opção que você pode habilitar pelo aplicativo. Quando seu smartphone tocar, a band vai vibrar para avisá-lo de uma chamada.

Desbloquear o telefone: como já mencionei acima, através do aplicativo, você configura para a band ser um dispositivo confiável do android. Quando a band estiver por perto (conectividade do bluetooth, até 100m), não será necessário digitar a sua senha ou desenho para desbloquear o aparelho.

Software

O aplicativo está disponível para Android e iOS. Diferente de marcas como a Samsung e Apple, a Xiaomi deixa o dispositivo conectar com smartphones que possuam Android 5.0 ou superior, assim como iOS 8.0 ou superior.

No aplicativo é possível tabelar todos os dados coletados pela band. Além é óbvio de aplicar as configurações nela.

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

Nesta primeira image temos a base do software. Ele mostra alguns dados iniciais, como a quantidade de passos, distância, calorias queimadas, como foi o sono na noite passada. Na imagem central, os dados da última noite de sono, quanto tempo foi sono leve, quanto tempo foi sono pesado. Horários que dormi e acordei, e o tempo que fiquei acordado. Na tela final, temos os dados gerais. Ali, posso ver os valores, por dia, semana e mês. 

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

Aqui nesta tela, podemos ver os mesmos dados só que com as informações de passos. 

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

 Já nesta, as primeira apresenta as configurações que eu deixei para exibir na tela da Band. No segundo print, eu criei um alerta de ociosidade. Ele vai me avisar a cada 1 hora que estou parado, durante o período que eu defini. Por último, as configurações de alertas que eu posso criar. 

Em si, o software é bem simples de lidar. A conectividade entre a band e o smartphone é muito boa. Você não precisa se preocupar, basta entrar no aplicativo antes de tudo. Ele vai solicitar que ative o bluetooth, depois vai tentar encontrar e parear automaticamente com a band.  

Diferença entre Mi Band e Mi Band 2

As diferenças entre a Mi Band e a Mi Band 2 são além de visíveis, também no hardware. A antecessora não passava de um contador de passos e monitorador de sono. A sucessora faz estas duas tarefas além de mostrar o horário, contar as calorias, distância e monitor de batimentos cardíacos. O software é o mesmo, nele é possível verificar os dados acumulados pela band.

Veja algumas imagens de comparação da Mi Band 1 com a Mi Band 2.

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?


Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?


Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

Vale a pena comprar?

Eu tinha intenção de comprar um relógio novo que pudesse visualizar o horário em locais escuros, sem gastar muito dinheiro, afinal o smartphone pode fazer isto também, não é mesmo? Lembrei da Mi Band 2, e que havia usado por muito tempo a Mi Band 1, mas por ela ter rasgado a pulseira, sim meus filhos o fizeram, acabei deixando-a de lado. Agora juntar a antiga cultura de monitorar os passos, aliado com um sensor de batimentos cardíacos e ainda poder ver as horas durante a noite foi suficiente para eu decidir a compra. Quando fui surpreendido por uma oferta de aniversário da loja GearBest, onde precisei pagar apenas 70% do valor da pulseira, foi a gota dágua.

Esperei pelos quase 30 dias que demoraram para chegar, sem ser cobrado por tarifas alfandegárias, afinal o valor é abaixo da cota de US$ 50. Hoje posso dizer que fiz um bom negócio e tenho de volta o meu monitorador de atividades físicas e sono. Além de eu escrever, sou programador por natureza, estatísticas são coisas que me atraem e muito. Gosto de ver o tempo que passei dormindo, quantos passos diariamente faço, quais dias eu mais pratico atividades e de quebra saber se meu coração está pleno e forte.

Review Xiaomi Mi Band 2: Vale a pena comprar uma pulseira?

Minha opinião é embasada na questão do custo/benefício, eu não me importo muito com relógios de luxo ou sofisticados, mas preciso que mostre os números a noite. Em um visor com números digitais facilita e muito. Portanto, se você está em busca de um relógio barato, funcional e que venha com todos estas features extras, a Mi Band 2 é uma opção mais que perfeita.

Onde comprar?

Eu vou recomendar a compra na GearBest, pelo simples motivo de ter adquirido ela por lá. Lá na loja encontra-se por cerca de US$ 20 - 30. Levou cerca de 30 dias para chegar. Não vai ser taxado, pois afinal o valor é abaixo do mínimo de US$50. Se for taxado, você só precisa solicitar na receita a recontagem que não terá problemas. 

E aí, gostou da MI Band 2 e do nosso review? Deixe um comentário abaixo, com perguntas, dicas, sugestões e críticas.

Mais sobre: xiaomi, miband2, miband
Share Tweet
Comentários
Continue lendo
    AINDA NÃO SE INSCREVEU?

    Vem ver os vídeos legais que
    estamos produzindo no Youtube.