Call Of Duty deste ano voltará para a Segunda Guerra Mundial

Fontes internas da Activision confirmaram a diversos portais que o game voltará para as guerras antigas.

Por | @grasiel_grasel Games

Depois de uma semana cheia de rumores e Easter Eggs, parece que a Activision finalmente ouviu os fãs da saga e está levando Call of Duty de volta para as guerras antigas, ao que tudo indica, em um cenário de Segunda Guerra Mundial. A informação de que o jogo do ano terá essa temática clássica foi vazada por fontes internas da Sledge Hammer, desenvolvedora responsável pelo COD de 2017.

O primeiro rumor surgiu no último sábado (25), com o vazamento de imagens conceituais que indicam que o game realmente se passaria na Segunda Guerra Mundial, com o nome de Call of Duty: WW2. Dentre as imagens, é possível ver posters e cases que provavelmente seriam de uma edição especial, como as tradicionais caixas de colecionador já comuns nos jogos da saga.

Leia também:

Call Of Duty deste ano voltará para a Segunda Guerra Mundial

 

Call Of Duty deste ano voltará para a Segunda Guerra Mundial

Outro indício muito forte foi o lançamento de um novo produto da marca ControlFreek, que utiliza um design que lembra muito um dos símbolos do exército americano na Segunda Guerra Mundial, assim como utilizaram em COD: World at War. O rumor se explica pelo fato de que a marca costuma lançar um produto com a temática do Call of Duty do ano.

Para confirmar os rumores, os portais IGN e Eurogamer informaram que fontes oficiais diretamente ligadas à Sledge Hammer afirmaram que o jogo realmente acontecerá na Segunda Guerra Mundial e que provavelmente terá o codinome de WWII. É provável que um trailer do game seja lançado nas próximas semanas.

Mais sobre: call_of_duty, codww2
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
Continue lendo