Bateria de hidrogênio garante iPhone carregado por uma semana

A reação entre o hidrogênio e o oxigênio é repetida por várias vezes para recarregar o celular, o processo pode permanecer por uma semana.

Por | @RafaelaPozzebon Tecnologia

Um protótipo desenvolvido pela companhia britânica Intelligent Energy, a partir de célula de hidrogênio pode manter um iPhone carregado por uma semana. O mecanismo completa a bateria comum de lítio do smartphone.

O funcionamento se dá através da geração de eletricidade a partir da reação química entre hidrogênio e oxigênio para poder carregar o smartphone. O processo libera água, e por esta razão os desenvolvedores do protótipo inseriram algumas saídas de ar para liberar o vapor.

Conforme os ingleses, que desenvolveram o protótipo, a quantidade de água liberada pela célula é muito pequena, e assim, imperceptível aos usuários. A reação entre o hidrogênio e o oxigênio é repetida por várias vezes para recarregar o celular, o processo pode permanecer por uma semana.

Bateria de hidrogênio garante iPhone carregado por uma semana

Leia também:

Após o tempo estabelecido, o ciclo é interrompido, já que a célula esgota o suprimento de hidrogênio, que neste caso, precisa ser reabastecido. No protótipo da Intelligent Energy, o processo de recarga do gás é realizado pelo conector de fones de ouvido.

"Conseguimos criar uma bateria tão fina que ela se encaixa às carcaças existentes sem alterações e mantendo a bateria recarregável [original]. Esse é um passo enorme pois se você vai mudar para uma nova tecnologia, é preciso dar às pessoas o caminho que eles se sintam mais confortável", disse Henri Winand,  executivo da Intelligent Energy.

Para que o produto possa chegar ao mercado, a empresa está desenvolvendo um tipo de cartucho, que pode ser acoplado ao iPhone. O funcionamento é o mesmo do atual protótipo, e também com duração da bateria por uma semana.

O jornal inglês The Telegraph disse que a Apple está interessada na tecnologia desenvolvida pela Intelligent Energy, sendo que as próximas gerações de iPhones poderiam vir com o recurso.

Mais sobre: iphone, apple, bateria
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários