Internet terá "infinitas" conexões com IPv6

IPv6 chega com conexões, com mais de 340 undecilhões de novas possibilidades de endereço.

Por | @oficinadanet Internet

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em razão do alto crescimento de equipamentos conectados à internet, resolveu adotar uma medida similar das linhas telefônicas, ou seja, a possibilidade de inúmeras conexões. Levando em consideração a situação, os provedores de internet e conteúdos começaram em 2012 a mudar para um novo protocolo, o IPv6, que permite aumentar para uma quantidade praticamente infinita de números IP.

Através dos endereços de protocolo chamado IPv4, está surgindo uma nova versão com capacidade "quase infinitamente maior": o IPv6. De acordo com José Alexandre Bicalho, superintendente de Planejamento e Regulamentação da Anatel a quantidade "tão absurda de IPs possíveis" teria capacidade para por um endereço em cada grão de areia que existe no planeta.

A medida aplicada para ampliar os IPs é muito parecida à usada para aumentar o número de linhas telefônicas, com o acréscimo de um dígito ao prefixo da linha. Porém, no caso da internet, são vários números a mais.

Internet terá "infinitas" conexões com IPv6

Leia também:

Conforme Bicalho, os usuários não irão sentir as diferenças, já que haverá apenas algumas atualizações de software. Assim, não é necessário fazer nada, já que tudo já está sendo resolvido. O IPv4, por exemplo, já se esgotou e só funciona através de soluções paliativas.

O usuários não precisarão fazer nada agora. Tudo que está funcionando vai continuar funcionado", disse o superintendente.

"A migração será feita de maneira gradual, mas precisa ser feita. Alguns países já estão bem avançados na adoção do novo protocolo", afirmou Bicalho.

Equipamentos com a tecnologia atualizada já estão sendo vendidos há pelo menos dois anos. A Anatel diz que haverá um período de convivência entre os dois protocolos, e ainda não está definido quando o IPv4 será definitivamente de ser usado.

"Os grandes portais de conteúdo mundiais já funcionam com o protocolo IPv6, compatível com o IPv4. Agora os principais sites brasileiros também poderão passar ao novo padrão. Futuramente poderemos até desligar a rede antiga", disse o superintendente.

Vale notar que atualmente, qualquer smartphone comercializado conta com suporte ao protocolo IPv6, e cabe às operadoras fornecerem válido aos usuários.

Mais sobre: internet ipv6 protocolo
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar