Apple disponibiliza nova medida de segurança em seus aplicativos iMessage e FaceTime

De acordo com informações do jornal britânico, “The Guardian”, a Apple ainda não revelou uma data para o lançamento do recurso opcional que ajuda na segurança de seus usuários.

Por | @oficinadanet Segurança digital

Mas do que estou falando? Estou falando da habilitação de processo de autenticação que a Apple fará em seus aplicativos iMessage e Face Times para Mac, iPhones e iPads; o processo será realizado em dois fatores, oferecendo um nível extra de segurança aos usuários destes aparelhos durante suas comunicações privadas. A habilitação também ocorrerá nos aplicativos iCloud e nos sites da Apple.

A empresa da maçã informa que os usuários que já realizaram a ativação da autenticação em sua conta no iCloud, não precisarão mais realizá-la, mas terão que mesmo assim logar a sua conta no iMessage ou no FaceTime em um novo dispositivo, além disso, será necessário criar uma nova senha específica na página de gerenciamento da ID da Apple, para que assim, garantam a autenticação do mesmo. A nova senha criada primeiramente será enviada para um dispositivo confiável antes de ser adicionada ao novo dispositivo.

Segundo informações da própria Apple, essa nova medida visa garantir uma maior segurança a seus usuários, tornando assim suas contas mais protegidas contra ataques de hackers, mesmo que esses (hackers) tenham acesso ao nome de usuário e senha das referidas contas, pois para conseguir usar todos os recursos que são oferecidos na Apple ID, os criminosos terão que ter acesso à senha adicional.

Alguns especialistas alertam que mesmo com essa nova medida de segurança, a verificação em dois passos ainda pode conter falhas e os mesmos não podem confiar 100% no recurso. Claro que com essa nova habilitação, a vida dos criminosos cibernéticos ficará bem mais complicada e encontrarão maiores dificuldades em acessar os dados pessoais desses usuários.

Além da Apple, outras grandes empresas como o Google, Dropbox, Facebook e Twitter, também já aderiram à autenticação de dois fatores.

Mais sobre: Apple, iMessage, FaceTime
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários