Após admitir erro no Chrome, Google promete correção

Notebooks que usam o Chrome podem ter tempo de duração da bateria reduzida em decorrência de bug.

Por | @oficinadanet Internet

Nesta semana, um especialista da Revista Forbes relatou a existência de um bug no Chrome que suga a energia das baterias de notebooks com Windows que utilizam o navegador do Google. Após admitir o problema, a gigante das buscas prometeu uma solução.

O Google Chrome, de acordo com a Forbes, pode fazer com que o consumo de bateria seja até 25% maior em notebooks em que o navegador é usado. O gasto excessivo de bateria ocorre em decorrência do bug, que faz com que os processadores de laptops realizem buscas por tarefa 1000 vezes por segundo no aparelho, sendo que padrão é de 64 vezes.

Em 2010, já havia sido relatado o problema e, em novembro de 2012, outra vez. Porém, o Google não resolveu a questão na época. Agora, com a repercussão do caso, a companhia se manifestou ao site da Forbes.

Na página, o Google emitiu uma nota admitindo a existência do bug e informando que o problema está sendo cuidado pela equipe do Chrome.

Agora basta esperar o update para solucionar o caso.

Mais sobre: chrome bug bateria
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo