Recém lançado, app Clube do Bolinha acumula várias queixas

Clube do Bolinha, responsável por avaliar as mulheres, é alvo de várias reclamações.

Por | @RafaelaPozzebon Smartphones

O novo aplicativo Clube do Bolinha, que diferentemente do Tubby é real, foi recentemente lançado, porém, já soma muitas reclamações. O aplicativo possui a mesma proposta do Lulu, porém, voltada o ao público masculino. O aplicativo já foi baixado entre 10 mil e 50 mil vezes, conforme a loja virtual do Google.

O aplicativo, por enquanto, só está disponível para usuários Android. Os donos de aparelhos iOS terão que aguardar a aprovação da Apple para pode avaliar as mulheres.

Igualmente ao Lulu, em que as mulheres avaliam os homens, o Clube do Bolinha usa o Facebook para mapear quem irá receber as notas. Os participantes precisam responder três perguntas: se conhece a mulher, se já ficou e se já transou. Os homens também podem classificar as moças como: “Não fede, nem cheira”, “Torna o rolê inesquecível”, “Adora dar showzinho” e “Finge estar bêbada”. Recém lançado, app Clube do Bolinha acumula várias queixas

Leia também:

Após responder as primeiras perguntas, o usuário pode avaliar as mulheres com hashtag do tipo  #Mariagasolina, #Bigodinho, #SóFazMiojo, #Camarão, #Ficaesperto, #AmigasFifi, #SabeOQuefaz, #BeijaBem, #ChefedeCozinha e #TopCapadeRevista. Além de notas, no Clube do Bolinha as pessoas são avaliadas com estrelas.

De acordo com o publicitário José Máximo Neto, que recebeu 8 no Lulu, o Clube do Bolinha não é uma vingança.  “Fui bem avaliado no Lulu, mas teve uma coisa lá que disseram que não é verdade. Baixei esse mais por curiosidade, não como um meio de ‘dar um troco’, queria ver como funciona”.

Neto, porém, disse que não há muitas alternativas de avaliação.  “Não é dinâmico, não tem opções de hashtag, só pode escolher uma positiva e uma negativa”.

Porém, a falta de possibilidades de avaliação não é a única reclamação por parte dos usuários. Na Google Play o app recebeu nota baixa. Muitos usuários reclamam de erros no programa e de que não estavam conseguindo terminar as avaliações.

 “Passei muito tempo para conseguir acessar o Bolinha. Tentei avaliar algumas pessoas aqui, deu erro no final, mas é muito desorganizado”, reclama o publicitário José Neto. 

Os desenvolvedores do programa tentaram amenizar as queixas: “Pedimos desculpas, estávamos com sobrecarga no servidor, já são mais de 20.000 mil bolinhas conectadas. Aumentamos a capacidade dos servidores e já melhorou a navegação no App... Fica ligado!”. 

Mais sobre: lulu, mobile, app
Share Tweet
DESTAQUESMais compartilhados
Comentários