FBI usa técnicas hackers em investigações, afirma jornal

FBI usa técnicas hackers para investigar suspeitos de terrorismo, pornografia infantil e também crime organizado.

Por | @oficinadanet Segurança digital

De acordo com o The Wall Street Journal, o FBI está usando técnicas hackers em suas investigações. Eles estariam ativando microfones em dispositivos Android e também notebooks.

O jornal, na notícia veiculada nesta sexta-feira (2), disse que essas e também outras ferramentas são empregadas em casos relacionados ao crime organizado, bem como terrorismo ou pornografia infantil.

A reportagem cita que tais técnicas são usadas somente com ordem judicial e quando o FBI não encontra outros meios para investigar um suspeito. De modo geral, as ferramentas usadas para coletar dados são instaladas através de links de pishing, ou seja, instalando um software malicioso no dispositivo do criminoso.

De acordo com o The Wall Street Journal, um ex-agente do FBI disse que as atividades realizadas pelo programa de “espionagem” do FBI, da Unidade de Operações Remotas, também podem atingir os notebooks. Igualmente aos celulares, existem formas de infecção através da internet e também pela conexão de aparelhos USB que estiverem programados para espalhar o malware.

As fontes ouvidas pelo jornal disseram ainda que tais medidas vêm crescendo conforme os criminosos usam novas tecnologias para se comunicarem.

Mais sobre: FBI hackers investigar
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo