Oficina da Net Logo

Telescópio Espacial Kepler chega ao fim de sua jornada

Agora, outro telescópio está pronto para continuar o trabalho de Kepler.

Por | @oficinadanet NASA Pular para comentários

A NASA, nesta tarde, oficializou a despedida do Telescópio Espacial Kepler, uma espaçonave pioneira que colaborou na descoberta de planetas além do nosso Sistema Solar. Após ano de serviço, que se estenderam além da sua missão inicial, a espaçonave ficou sem combustível.

O anúncio de hoje não foi totalmente inesperado. O Kepler estava ficando sem combustível há meses, e os cientitas da missão fizeram a nave espacial dormir várias vezes recentemente para estender sua vida operacional o máximo de tempo possível. 

Telescópio Espacial Kepler chega ao fim de sua jornada.Telescópio Espacial Kepler chega ao fim de sua jornada.

O Kepler e sua missão de acompanhamento, o K2, ajudaram os pesquisadores a descobrirem que os planetas são incrivelmente comuns. As duas missões, juntas, descobriram e confirmaram a existência de 2.681 planetas e identificaram muitos mais sinais em torno de estrelas distantes que poderiam ser planetas, mas que ainda aguardam confirmação. Leia em destaque: 10 tecnologias da NASA que estão no nosso dia a dia.

Agora, outro telescópio está pronto para continuar o trabalho de Kepler. A NASA lançou o Transiting Exoplanet Survey Satellite (TESS) ainda no início desse ano.

A TESS possui um longo caminho antes de chegar ao Kepler  mas, em algum momento, a TESS, ou mesmo outro satélite, irá ocupar a posição de Kepler na descoberta de planetas.

Com os avanços tecnológicos, os cientistas poderão escolher os planetas em trânsito a partir de dados coletados muito após do fim de Kepler.

"Agora, por causa de Kepler, o que pensamos sobre o universo mudou", diz Paul Hertz, diretor da divisão de astrofísica da NASA.

Sem dúvidas, o legado de Kepler é imenso, e ele já faz parte da história. Kepler sempre foi considerado uma maravilha da engenharia e detectou inúmeros planetas.

Fonte: The Verge

MAIS SOBRE: #telescópio  #Kepler  #missão  #planetas
Comentários
Carregar comentários