Oficina da Net Logo

Os 10 melhores aplicativos para Linux de 2019 

Se você é um novato no sistema operacional de código aberto, talvez fique meio perdido sobre quais aplicativos instalar. Mas este artigo, com os 10 melhores aplicativos para Linux de 2019, vai ajudar você.

Por | @oficinadanet Linux Pular para comentários

Se você é novo no Linux, você pode estar se perguntando: “Quais aplicativos são os melhores para usar?” Aqui está a nossa lista dos melhores dos melhores aplicativos de desktop Linux, que devem cobrir quase todos os aspectos de suas necessidades de computação. 

Os 10 melhores aplicativos para Linux de 2019 

1. LibreOffice

LibreOfficeLibreOffice

O LibreOffice é um substituto completo e de código aberto para o Microsoft Office. É grátis, inclui todas as ferramentas que você esperaria encontrar em uma suíte de escritório (texto, planilhas, apresentações, fórmulas, banco de dados) e pode ser instalado em todas as máquinas que você tem (sem custo adicional). A interface do usuário pode ser alterada do menu padrão para uma interface de usuário semelhante a da Microsoft. 

Pontos positivos

  • O LibreOffice é gratuito e está disponível para várias plataformas. 
  • Pode trabalhar com os formatos do MS Office. 
  • Interface personalizável. 
  • Estável e confiável. 
  • Pode economizar em nuvem e locais remotos. 
  • Inclui recursos de edição (como alterações de faixa e comentários) 

Pontos negativos

  • Documentos grandes (mais de 200 páginas) podem tornar-se lentos para usar. 

Este aplicativo está disponível gratuitamente no Libreoffice.org. 

2. GIMP

GIMPGIMP

GIMP significa GNU Image Manipulation Program, e é o código-fonte aberto equivalente ao Photoshop. É poderoso, grátis e inclui uma vasta gama de ferramentas para ajudar a criar ou editar suas imagens com perfeição. 

Embora a interface do GIMP letenha uma curva de aprendizagem maior (especialmente se você estiver migrando do Photoshop), depois de entender o layout e as ferramentas, as possibilidades são ilimitadas. O GIMP permite que você salve em vários tipos de formato (jpg, png, tiff, gif, svg, entre outros) e (em certos formatos de arquivo), preservando as camadas. 

O GIMP é uma ótima ferramenta para designers gráficos, fotógrafos, ilustradores e até mesmo cientistas. 

Pontos positivos

  • Filtros poderosos (que podem ser facilmente expandidos). 
  • Layout de janela única. 
  • Suporte a plugins de terceiros.
  • Retoque de fotos fácil. 
  • Suporte para tablet. 
  • Suporte de script. 
  • Fácil de instalar novos pincéis. 

Pontos negativos

  • Curva de aprendizagem mais acentuada do que alguns programas semelhantes. 
  • Às vezes tem problemas com camadas em arquivos nativos do Photoshop. 

Baixe o app gratuitamente no gimp.org. 

3. Firefox

FirefoxFirefox

O navegador da web Firefox já percorreu um longo caminho de onde estava, há apenas alguns anos atrás. O navegador da Web de código aberto não está mais sobrecarregado com o bloatware, processa as páginas tão rapidamente quanto qualquer outro navegador no mercado, oferece muitos recursos de segurança, é leve e rápido. 

Para a plataforma Linux, seria difícil encontrar um navegador da web melhor. Melhor ainda, agora você pode conectar o navegador a uma conta do Firefox, e sincronizar suas senhas, guias abertas e muito mais com qualquer instância do Firefox associada a essa conta. Há uma razão pela qual tantas distribuições Linux são padronizadas para o navegador Firefox. 

Pontos positivos

  • É leve, rápido e estável. 
  • Autenticação de 2 fatores incluída com o login da conta do Firefox. 
  • Suportado por quase todos os sites do planeta. 
  • Disponível em quase todas as plataformas (Linux, macOS, Windows, Android). 
  • É possível adicionar novos recursos através das extensões. 
  • O programa Test Pilot oferece aos usuários uma prévia dos possíveis recursos futuros. 
  • Proteção de rastreamento embutida. 
  • Inclui mecanismo de navegação privada. 

Pontos negativos

  • A maioria das pessoas usa o Google Chrome. 

Baixe o app gratuitamente no mozilla.org. 

4. Audacity

AudacityAudacity

Se você estiver precisa gravar áudio (por exemplo, podcasts), não procure mais, pois existe o Audacity, gratuito e de código aberto. Este é o gravador de áudio escolhido por milhões de usuários, independentemente da plataforma. 

O Audacity torna fácil a a partir de um microfone, e permite até fazer a edição de gravações de forma incrivelmente fácil. E com uma grande quantidade de filtros incluídos, o céu é o limite do que você pode fazer. 

O melhor de tudo é que não existe uma curva de aprendizado com o Audacity. Na verdade, você não encontrará uma melhor taxa de facilidade de uso para recursos poderosos em qualquer outro software de gravação / edição no mercado. E se você precisar importar arquivos de áudio, o Audacity suporta um incrível número de formatos de arquivos. 

Pontos positivos

  • Incrivelmente fácil de usar. 
  • Filtros poderosos e incorporados, com efeitos especiais. 
  • Plataforma cruzada (para Linux, macOS e Windows). 
  • Exporta para formatos padrão da indústria. 
  • Pode gravar áudio de várias fontes. 
  • Navegação amigável pelo usuário através de trilhas. 

Pontos negativos

  • O Audacity não funciona bem quando outro aplicativo está usando o microfone ou os alto-falantes do computador. 
  • Poderia usar uma interface mais moderna. 

Baixe o app gratuitamente no audacityteam.org

5. Evolution

EvolutionEvolution

Você usa o Microsoft Outlook no Windows ou no MacOS? Fique sabendo que não existe uma versão do Outlook para Linux. Porém, temos o equivalente de código aberto Evolution. 

O Evolution é uma ferramenta única que inclui email, calendário, tarefas, contatos e notas. O Evolution pode se conectar a servidores de e-mail IMAP, POP3, Google e até mesmo do MS Exchange, para que você possa gerenciar seus e-mails e calendários, independentemente de quem seja seu provedor. 

Pontos positivos

  • Acompanhe todas as suas necessidades de groupware de negócios a partir de um aplicativo. 
  • Integração perfeita com o Gmail e o Google Agenda. 
  • Fácil configuração. 
  • Funciona com várias contas. 
  • Integra-se com a área de trabalho do GNOME. 
  • Funciona com o GPG para criptografia. 
  • Ferramentas de filtragem de email integradas e poderosas. 
  • Filtragem automática de spam. 
  • O catálogo de endereços pode ser usado como fonte de dados no LibreOffice. 

Pontos negativos

  • A interface está um pouco desatualizada. 
  • Não é suportado por todos os servidores do MS Exchange. 

O Evolution pode ser instalado a partir dos repositórios padrão na maioria das distribuições de Linux. 

6. Clementine

ClementineClementine

A melhor escolha de player de áudio pode ser um pouco complicada. Mas se você está procurando a melhor combinação de facilidade de uso e uma grande lista de recursos, o aplicativo Clementine de código aberto (e gratuito) é a melhor opção, especialmente se sua biblioteca de músicas for grande. 

Um dos melhores aspectos do Clementine é a facilidade de trabalhar com listas de reprodução. Você pode criar playlists estáticas e dinâmicas, criar listas de reprodução de álbuns ou pastas inteiras, organizar as listas de reprodução e muito mais. 

O Clementine também inclui um excelente equalizador, a capacidade de ouvir podcasts, suporte a CD de áudio, notificações de desktop nativas do Linux, entre outras coisas. 

Pontos positivos

  • Quase nenhuma curva de aprendizado. 
  • Suporta vários formatos de arquivo. 
  • Gestão fácil de listas de reprodução 
  • Suporte de rádio pela internet embutido. 
  • Conecte e sincronize dispositivos. 
  • Excelente gerenciador de filas de músicas. 

O que não gostamos 

  • Embora seja amigável ao usuário, a interface é um pouco desatualizada. 

O app pode ser baixado gratuitamente (para Linux, Windows e macOS) em clementine-player.org. 

7. VLC Media Player

VLC Media PlayerVLC Media Player

Assim como Clementine é o melhor player de áudio, nenhuma outra ferramenta ainda destronou o VLC como o melhor player de vídeo. Sem dúvida, o VLC é a melhor ferramenta para reproduzir praticamente qualquer tipo de formato de vídeo. 

Uma das melhores coisas sobre o VLC é que, durante a instalação, ele instalará todos os codecs de multimídia necessários, para que você não entre em uma situação em que um formato de mídia popular não seja reproduzido. Este não é o caso de muitos outros players de vídeo para o Linux. O VLC pode até converter arquivos e atuar como um servidor de mídia. 

O que nós gostamos 

  • Muito fácil de usar. 
  • Lida com vários formatos de mídia. 
  • Pode tocar música também. 
  • Pode reproduzir DVDs com facilidade. 
  • Integra-se com webcams. 

Pontos negativos

Não há realmente nada a desejar neste player de vídeo. 

O app pode ser baixado gratuitamente no site videolan.org. 

8. UPM

UPMUPM

Se você finalmente percebeu que suas senhas não são fortes o suficiente, e você precisa começar a trabalhar com senhas mais complicadas de seqüências de texto, um gerenciador de senhas pode resolver seus problemas. 

Se você está procurando algo simples e sólido, o Universal Password Manager (UPM) é a melhor opção para você. O UPM usa o AES para criptografia de banco de dados, e pode sincronizar através de uma rede usando HTTP/S. A interface é um pouco antiga, mas não vai atrapalhar o gerenciamento de várias contas. 

Pontos positivos

  • Gerador de senhas incorporado. 
  • App leve. 
  • Copie senhas, IDs de usuários, URLs para a área de transferência. 
  • URLs diretamente abertas. 
  • Mantenha anotações de suas contas. 
  • Banco de dados protegido por senha. 
  • Importar e exportar a função de banco de dados. 

Pontos negativos

  • Interface desatualizada. 
  • A sincronização com a rede pode ser difícil. 
  • Nenhum suporte à nuvem. 

O app pode ser baixado gratuitamente (para Linux, Windows, Android e macOS) em upm.sourceforge.net. 

9. VirtualBox

VirtualBoxVirtualBox

Execute o Linux, macOS, Windows e outras plataformas, tudo a partir do seu sistema operacional host. O VirtualBox permite que você execute sistemas operacionais convidados, com a GUI amigável ou a partir da linha de comando. 

Não há melhor maneira de testar outros sistemas operacionais no Linux. Depois de ter sua máquina virtual em funcionamento, você pode pausá-la, interrompê-la, cloná-la e muitas outras tarefas. 

Pontos positivos

  • Fácil de usar. 
  • Capacidade de integração com o sistema operacional host. 
  • Crie redes isoladas para fins de teste. 
  • Suporte a USB e áudio. 

Pontos negativos

Não há muito o que não gostar nesta ferramenta gratuita de máquina virtual. 

Disponível para download grátis (para Linux, Windows e macOS) em virtualbox.org. 

10. Calibre

CalibreCalibre

Se você é leitor ou escritor, deve omeçar a usar o Caliber. Essa ferramenta gratuita e de código aberto não só permite que você importe seus e-books favoritos para facilitar a leitura, como também converte seus arquivos em e-books. 

Autores que querem publicar seus livros na Amazon, Barnes & Noble, Smashwords, etc., acharão o Calibre uma necessidade absoluta. Os leitores também apreciarão a facilidade com que os ebooks podem ser gerenciados ou gerados com essa ferramenta simples. 

Pontos positivos

  • Editor de ebook embutido. 
  • Suporta vários formatos de arquivo. 
  • Built-in servidor de conteúdo, para que você possa compartilhar sua biblioteca através de uma rede local. 
  • Pode converter em vários formatos de ebook a partir de vários formatos de fonte. 
  • Atualizações freqüentes 

Pontos negativos

  • O editor de Ebook tem uma curva de aprendizado íngreme. 

Este aplicativo pode ser baixado gratuitamente (para Linux, Windows e MacOS) em calibre-ebook.com. 

Comentários
Carregar comentários