EUA deve liberar em breve licenças para empresas negociarem com a Huawei

Wilbur Ross, secretário de Comércio dos Estados Unidos, disse que o governo está analisando os pedidos de licença e que a liberação acontecerá em breve.

Por Huawei Pular para comentários
EUA deve liberar em breve licenças para empresas negociarem com a Huawei

Em maio deste ano, o Departamento de Comércio dos Estados Unidos colocou a Huawei em uma "lista negra" que basicamente impedia que empresas americanas vendessem qualquer tipo de hardware ou software, algo que resultou em perdas significativas para ambos os lados.

Pouco tempo depois, mais especificamente em julho, o mesmo departamento anunciou que pretendia emitir licenças especiais para que essas empresas de tecnologia voltassem a negociar com a Huawei. O documento cobriria apenas componentes amplamente disponíveis e que não fossem uma ameaça à segurança nacional do país.

Após esse anúncio, mais de 130 empresas solicitaram a emissão da licença, enquanto que os números atuais somam 260. Agora, de acordo com Wilbur Ross, secretário de Comércio dos Estados Unidos, as licenças começarão a ser liberadas "muito em breve". Ele disse que os pedidos estão sendo analisados, mas que nem todos receberão autorização.

No momento, a licença do Google seria a mais importante para a Huawei, afinal, devido a essas proibições, a linha Mate 30 chegou ao mercado sem nenhum serviço do gigante das buscas, dificultando a expansão fora da China.

Portanto, se as empresas voltarem a negociar, isso também será benéfico para os consumidores, dado que veremos futuros smartphones da chinesa rodando novamente todos os aplicativos do Google.

Fonte: GsmArena

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários