Novo Nintendo Switch deverá utilizar chip NVIDIA com suporte a DLSS

Foram vazadas informações sobre o novo Nintendo Switch dizendo que a nova versão do console irá utilizar um chip com suporte ao DLSS da NVIDIA.

Imagem ilustrativa do Nintendo Switch. Fonte: Nintendo
Imagem ilustrativa do Nintendo Switch. Fonte: Nintendo

Segundo informações de fontes confiáveis, o novo Nintendo Switch utilizará um chip da NVIDIA com suporte a DLSS (Deep Learning Super Sampling). A informação veio através do site Bloomberg, onde diz que o chip gráfico trará melhorias no desempenho da GPU e CPU, além de utilizar o DLSS para transmitir imagens em 4K nas TVs.

Sobre o DLSS

A implementação do DLSS foi disponibilizada junto com as placas de vídeo da série RTX20 da NVIDIA, que utilizam como base a arquitetura Turing. Houve diferentes versões da tecnologia, onde são utilizados núcleos tensores da GPU e treinamento da IA em jogos específicos. O resultado disto é conseguir renderizar um jogo com resolução mais baixa e conseguir uma saída maior com uma perda de desempenho mínima.

Benefícios do novo chip da NVIDIA para o Nintendo Switch

O novo chip teoricamente pode tornar-se uma excelente solução para o Nintendo Switch, pois por vezes o console "se esgoela" para atingir as suas próprias resoluções nativas em HD (720p) no modo portátil ou em Full HD (1080p) transmitindo para a TV. Anteriormente, o Nintendo Switch utilizava originalmente um Tegra X1, que foi anunciado em 2015, antes da NVIDIA parar de produzir chipsets mobile para uso geral.

Segundo o site VGChartz, o Nintendo Switch teve 80,79 milhões de unidades vendidas mundialmente desde o seu lançamento.

Especificações

De acordo com o Bloomberg, o novo Nintendo Switch irá ter uma tela OLED de 7 polegadas e será lançado no final de 2021, em dezembro.

O que achou da possibilidade de utilização de um chip da NVIDIA com suporte a DLSS no Nintendo Switch? Comente abaixo e compartilhe conosco a sua opinião!

🔥O POCO F4 É MUITO BOM 👇

Comentários
Minha foto
Insira um comentário