50% dos jogadores fazem download de games vindos de fontes não oficiais

Em comemoração ao dia mundial dos games (29), a empresa de segurança ESET aplicou uma pesquisa utilizando como amostra o público de jogadores latino-americanos. No questionário haviam perguntas sobre o comportamento do jogador.

Por Games Pular para comentários
50% dos jogadores fazem download de games vindos de fontes não oficiais

Em comemoração ao dia mundial do games (29), a empresa de segurança ESET aplicou uma pesquisa utilizando como amostra o público de jogadores latino-americanos. No questionário, haviam perguntas sobre o comportamento que o jogador tinha com relação a sua segurança digital ao jogar um game.

O resultado da pesquisa feita com o público gamer, de acordo com a amostra da população estudada, demonstrou que 87% creem que o download de games e arquivos através de fontes não oficiais seja arriscado. Mesmo com esta porcentagem, houve uma afirmativa por parte de 56% dos entrevistados dizendo que já adquiriram jogos de maneira ilegal. Porém, isso veio a um custo, que se refletiu em 30% das pessoas relatarem já ter seus dispositivos infectados em algum momento por "baixarem" arquivos de jogos ou modificações (não oficiais) para o jogo.

Ainda na pesquisa foi descoberto que metade dos indivíduos entrevistados aceitariam pagar um resgate caso a sua conta (perfil, profile) for roubada. Além disso, 5% do grupo entrevistado admitiram terem informações de seu banco ou credenciais do perfil expostas por pessoas de má índole.

Imagem ilustrativa

Ou seja, é melhor pensar duas vezes antes de se recusar a pagar por algum jogo sem saber dos riscos envolvidos ao realizar o download ilegal do arquivo. Além disso, ainda temos o fato de que você não apoiará/incentivará, o estúdio que criou o jogo com essa atitude e consequentemente irá prejudicá-lo, mesmo que de forma indireta.

Fonte: ESET

Recomendamos ler:

Acompanhe as últimas notícias de tecnologia aqui no Oficina da Net. Sempre trazendo conteúdos novos e produtos interessantes.

Comentários:
Carregar comentários