Em testes, Facebook remove todas as páginas do feed principal

Novidade não teria deixado nada contentes os anunciantes.

Por Facebook Pular para comentários
Em testes, Facebook remove todas as páginas do feed principal

Na semana passada, o Facebook acionou o Feed de Exploração, porém, usuários da rede social do Sri Lanka, Bolívia, Eslováquia, sérvia, Guatemala e Camboja acabaram recebendo uma versão diferente do recurso.

A companhia de Mark Zuckerberg selecionou os seis países para a realização de um teste que, acabou se tornando público através de um jornalista esloveno chamado Filip Struhárik. No entanto, após a revelação, imprensa e marcas que usam o Facebook como meio de divulgação acabaram ficando surpresas com a notícia.

Em testes, Facebook remove todas as páginas do feed principal.Em testes, Facebook remove todas as páginas do feed principal.

No Brasil, o Feed Exploração é direcionado para descobrir conteúdo de quem o usuário segue, porém, naqueles países o Facebook passou a usar o espaço como único meio de exposição corporativa. Isso quer dizer que o feed principal ficou reservado para posts de pessoas conhecidas, e no Exploração para o restante, ou seja, as páginas.

Como mudança, "páginas estão vendo quedas dramáticas em alcance orgânico", disse Struhárik. "O alcance de várias páginas do Facebook questionadas caiu na quinta e na sexta-feira em dois terços quando comparado com dias anteriores."

Vários veículos especializados internacionais repercutiram o caso, o que fez com que o Facebook acabasse se pronunciando. "Sempre escutamos nossa comunidade sobre como podemos melhorar a News Feed", disse o diretor responsável pela área, Adam Mosseri.

"As pessoas nos dizem que querem uma forma mais fácil de ver posts de amigos e família. Estamos testando ter um espaço dedicado para que as pessoas possam manter contato com seus amigos e familiares, e outro espaço separado, chamado Exploração, com posts de páginas."

Mosseri disse que não há planos de expandir os planos globalmente por enquanto, e ainda revelou que a empresa estudava meios para encontrar uma solução para o problema apontado pelos usuários.

"O objetivo desse teste é entender se as pessoas preferem ter espaços separados para conteúdo pessoal e público", explicou. "Vamos ouvir o que as pessoas dizem sobre a experiência para entender se é uma ideia que vale a pena seguir adiante."

Mais sobre: feed, facebook, testes
Compartilhe com seus amigos:
Rafaela Pozzebom
Rafaela Pozzebom Graduada em Letras pela UFSM e especialista em Tecnologias da Informação e da Comunicação aplicadas à educação
FACEBOOK //
Quer conversar com o(a) Rafaela, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias