Oficina da Net Logo

Maior bolsa de Bitcoin da Índia é transferida para Malta para driblar regulamentação

Agora, a bolsa, que comporta 20 criptomoedas, irá servir usuários de mais de 20 países da Europa.

Por | @oficinadanet Bitcoin Pular para comentários

A Zebpay, que já foi considerada a maior bolsa de criptomoedas da Índia, está de mudança para Malta após ter encerrado a sua estadia no território no último mês.

Dica: Quer saber tudo sobre BitCoin, leia o nosso artigo.

Agora, a bolsa, que comporta 20 criptomoedas, irá servir usuários de mais de 20 países da Europa:

  1. Malta
  2. Bélgica
  3. Bulgária
  4. Croácia
  5. Chipre
  6. República Checa
  7. Dinamarca
  8. Finlândia
  9. França
  10. Alemanha
  11. Grécia
  12. Hungria
  13. Irlanda
  14. Itália
  15. Letônia
  16. Países Baixos
  17. Polônia
  18. Portugal
  19. Eslovênia
  20. Suécia

Maior bolsa de Bitcoin da Índia é transferida para Malta para driblar regulamentação.Maior bolsa de Bitcoin da Índia é transferida para Malta para driblar regulamentação. Leia em destaque: O que é Bitcoin? Leia tudo o que você precisa saber.

Com a troca, os usuários indianos não terão mais a disposição o serviço. A empresa deixou a Índia em razão das rígidas regulamentações emitidas em abril pela instituição bancária central da Índia, o Reserve Bank of India (RBI). Na época, o RBI orientou que os bancos deixassem de fazer negócios com empresas de criptomoedas.

O Zebpay, logo, desativou os depósitos e saques da Rúpia Indiana, e após fechou o serviço de câmbio por todo o país no final de setembro. A medida fez com que acarretasse na perda de cerca de três milhões de investidores na Índia para a Zebpay.

Malta, agora, acolhe as empresas com regras mais transparentes sobre as operações. A Zebpay, com a mudança, terá que avaliar um novo mercado. Para Índia, a mudança da empresa poderá transformar mudanças, com o país podendo avaliar sua posição em relação a regulamentação das criptomoedas.

MAIS SOBRE: #criptomoedas  #índia  #europa
Comentários
Carregar comentários