Gerenciamento pessoal: O seu negocio é você mesmo

Administrar uma carreira é de longe uma ciência exata, porém o sucesso é uma soma de diversos fatores pessoais. Como diz Robert Wong, presidente da Headhunters Korn-Ferry: “ Raramente você terá uma segunda chance de causar uma boa primeira impressão”.

Por | @dani_publica Carreira em TI

Administrar uma carreira é de longe uma ciência exata, porém o sucesso é uma soma de diversos fatores pessoais. Como diz Robert Wong, presidente da Headhunters Korn-Ferry: “ Raramente você terá uma segunda chance de causar uma boa primeira impressão”.

Gerenciamento pessoal: O seu negocio é você mesmo


Costuma-se dizer que, se você falhar no planejamento pessoal, poderá também planejar para falhar. O mercado de trabalho para executivos é cruel, nele os fracos perecem; somente os fortes e visionários permanecem e vencem. É preciso saber em que ramo de negócios apostar e especializar-se nele de maneira ampla e construtiva.

Não bastam traçar estratégias corretas e segui-las com precisão, obter os recursos necessários para manter o planejamento. É preciso realiza-las.
Não esqueça: O melhor projeto do mundo não vale um tostão se não sair do papel.

Administrar uma carreira assim com um negócio não permite erro, só progride e tem êxito aquele que pensa com racionalidade, age com coragem e enfrenta os seus medos e cobranças pessoais com determinação. Em cima do alicerce você deve construir, tijolo a tijolo, um muro firmemente levantado que não sofra prejuízo de qualquer abalo que possa vir a ocorrer no futuro.

Sua carreira é este muro, resultado da soma de todos os tijolos, ou seja, de todas as iniciativas que forem tomadas para fortalecer a sua história profissional. Porém pense estrategicamente, porque o valor de cada tijolo conta muito. Devem existir propósitos, contextos e finalidades em cima de cada ação que você vier a tomar.


Assim é você em sua carreira


É preciso saber que ser forte vai além de contestar especulações. A empresa jamais cuidará de você nem do seu futuro – a ela você só interessa enquanto produzir muito, reclamar pouco e ganhar menos ainda. Por isso você é a representação contínua de esforços e de multiplicações de boas e inovadoras idéias.

Qualificar sua carreira vai além de conceitos espontâneos, emocional e vivencional. É preciso saber que todo bom profissional é frequentemente avaliado e será assim sempre. Por isso tenha sempre em mente duas lições importantes:

  1. Construa benefícios de mão dupla;
  2. Aprenda com os outros – sempre.

Não esqueça:
“ Para maximizar o sucesso de sua carreira, esteja atento para os três aspectos fundamentais da comunicação eficaz: a linguagem corporal, o tom da voz e as palavras”.

Mas acima de tudo fica uma sugestão muito importante sobre você com sua vida profissional:
A vida é curta. Não permaneça em um ambiente em que você é solicitado a comprometer seus valores. Não desperdice seus talentos com pessoas que não sabem aprecia-los, acima de tudo relacione-se de forma inteligente.

Mais sobre: carreira, profissional
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários